Após caso de doping, Jon Jones afirma: ‘Sou um lutador limpo’

Inocentado no caso pela Agência Antidoping dos Estados Unidos, ‘Bones’ agradeceu a Comissão Atlética da Califórnia e Andy Foster por terem o liberado para lutar em Los Angeles

J. Jones foi liberado pela Comissão Atlética da Califórnia para lutar. Foto: Reprodução/Facebook jonbones.jones

Jon Jones foi flagrado no exame antidoping no início de dezembro com vestígios de Turinabol no corpo. ‘Bones’ foi inocentado pela Agência Antidoping dos Estados Unidos, mas não foi liberado pela Comissão Atlética de Nevada para lutar em Las Vegas. Com isso, o Ultimate transferiu o evento no estado para a Califórnia.

Veja Também

UFC 232 sai de Las Vegas para Califórnia após problema em antidoping de Jon Jones
Daniel Cormier chama USADA de ‘piada’ após nova polêmica com Jones

Por meio de seu twitter, Jones afirmou que é um lutador limpo e agradeceu a Comissão Atlética da Califórnia e Andy Foster por terem o liberado para lutar pelo título dos meio-pesados em Los Angeles.

“Estou focado em alcançar o meu objetivo de recuperar o cinturão meio-pesado. Me dispus a passar por todos os exames da USADA até esta luta, e eles confirmaram o que venho dizendo há tempos, que sou um lutador limpo. Eu agradeço a Comissão Atlética da Califórnia e Andy Foster por terem feito a coisa certa e terem me apoiado neste processo. Não consigo esperar para lutar com Alexander Gustafsson no sábado, 29 de dezembro, no Los Angeles Forum, em Inglewood”, postou Jones.

Jones vai reencontrar Gustafsson na luta principal do UFC 232. Ele terá a chance de retomar o cinturão meio-pesados, no qual foi detentor entre 2011 e 2015.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments