Aldo espera que luta com Moicano acabe por nocaute ou finalização

‘Scarface’ deseja que o duelo com o compatriota acabe antes do soar do gongo para poder pegar suas coisas, voltar para o Rio de Janeiro e pegar uma praia no domingo: ‘Seria ótimo!’

J. Aldo busca disputar novamente o cinturão da categoria. Foto: Reprodução/Instagram @ufc_brasil

José Aldo tem uma pedreira pela frente no evento co-principal do UFC Fortaleza. O brasileiro vai encarar Renato Moicano pelos pesos penas no próximo sábado (02). O vencedor do combate se credencia para ser o próximo desafiante ao título da categoria. Confiante e bem-humorado, ‘Scarface’ afirmou que espera que duelo com o compatriota termine com um nocaute ou finalização.

Veja Também

Presidente do UFC revela que Aldo recusou luta principal do UFC Fortaleza
José Aldo planeja três lutas no Brasil em 2019 e pendurar as luvas no final do ano

“Para mim tanto faz, nocaute ou finalização, acabando antes para a gente pegar as coisas e voltar ao Rio e pegar uma praia domingo, seria ótimo!”, palpitou Aldo em entrevista ao site do canal Combate.

Para vencer o combate com Mocaino, Aldo escolheu a estratégia que manteve ao longo dos quase 15 anos de carreira. O brasileiro vai usar toda sua explosão e agressividade acabar com o combate.

“A gente até bola uma [estratégia], mas todo mundo já sabe minhas características, então a gente treina em cima daquilo que eu tenho de melhor, porque é isso o que vai acontecer na luta (…). Geralmente nunca penso muito no meu adversário. A gente treina, lógico, os pontos fortes dele, mas penso em colocar meu jogo em prática. Quero fazer o meu melhor, com minha explosão, que é o melhor que tenho, o que de melhor faço. Quero chegar lá dentro e ser bem explosivo, que sei que ninguém segura a onda”, explicou o ex-campeão.

José Aldo ocupa a terceira posição no ranking dos pesos penas e busca disputar novamente o cinturão da categoria. O brasileiro conquistou a primeira vitória em dois anos ao nocautear Jeremy Stephens no primeiro round durante o UFC Calgary em julho.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário