Dana White confirma distribuição de cinturões interinos enquanto julgar necessário

Mandatário da companhia vem sendo criticado devido ao alto número de disputas por títulos não-lineares nos últimos anos

D. White revelou que vai distribuir cinturões interinos enquanto achar necessário. Foto: Reprodução/Youtube ufc

O presidente do UFC, Dana White, anunciou que manterá sua decisão de oferecer lutas pelo título interino de qualquer categoria enquanto achar necessário. O anúncio foi realizado na coletiva de imprensa logo após a realização do UFC 236, em Atlanta (EUA). No último final de semana, dois cinturões ‘não-lineares’ foram colocados em jogo em duas grandes lutas: do peso leve (até 70,3kg.) e do peso médio (até 83,9kg.).

Veja Também

UFC 236: Max Holloway e Kelvin Gastelum recebem suspensão médica por tempo indeterminado
Israel Adesanya e Max Holloway faturam US$350 mil, cada, após UFC 236
Dana White promete surpresa que vai mudar o mundo da luta nos próximos meses

“Vou te dizer por que eu vou dar mais um golpe nos idiotas que não gostam de cintos provisórios, provavelmente há alguns de vocês nessa sala (de imprensa) também: aqui está a realidade. Vocês já imaginaram se a luta de Israel Adesanya contra Kelvin Gastelum fosse uma luta de apenas três rounds?”, questionou o ‘chefão’. “Até mesmo a luta de (Dustin) Poirier. Se não fosse uma luta de cinco rounds. Este título significa algo para eles”, afirmou White.

Dana fez questão de ressaltar a importância da luta para os atletas, que travaram verdadeiras batalhas nas duas últimas lutas do evento. O embate entre Gastelum contra Israel, para o mandatário, entra para a história como um dos maiores duelos que ele afirma ter visto em toda a sua vida.

“Quando você entra lá e tem um cinturão em jogo, você sabe o que está por vir. Porque agora o Israel está nos holofotes. É um garoto bonito. Israel Fala muito bem. Ele se tornou uma estrela esta noite. As pessoas vão falar sobre essa luta por um mês”, disse Dana.

O presidente do UFC explicou a lógica de oferecer cinturões interino ao invés de aguardar os campeões lineares estarem disponíveis para a luta. No caso dos leves, o cinturão linear pertence ao russo Khabib Nurmagomedov, que deve retornar ao octógono no mês de setembro. Robert Whittaker é o campeão linear dos médios, e permanece afastado das lutas por estar se recuperando de lesões. O casamento das lutas do UFC 236, para White, faze sentido, pois todos os quatro lutadores queriam os embates e os cinturões.

“Você sabe o quanto Israel e Gastelum queriam esta luta? Preste atenção. Assista a luta. Isso é o quanto os dois queriam isso. Há algo em jogo. Se você é o Adesanya e está pronto para o título, mas teria que esperar Kelvin enfrentar Whittaker e, para isso, teria que aguardar o Whittaker voltar da lesão. Agora, Israel tem o cinturão e não precisa esperar por Gastelum. Isso não faz sentido para ninguém?”, questionou White.

Dana White garantiu que os dois vencedores das lutas principais do UFC 236 farão suas próximas lutas pelos títulos lineares de suas divisões. A história apenas será diferente caso algum dos competidores tenha de sair dos cards futuros por algum motivo especial.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário