Com direito a show, José Aldo mantém cinturão do WEC

Com mais um show de José Aldo, terminou há pouco, em Sacramento, na Califórnia, o WEC-48. Defendendo o cinturão dos penas pela primeira vez, o atleta da Nova União não deu chances para  Urijah Faber, dominando todos os rounds e vencendo na decisão unânime dos juizes. Outro brazuca no card não teve a mesma sorte. Rani Yahya fez um duro combate contra Takeya Mizugaki, mas acabou superado na decisão dos juizes.

 

Jose Aldo vs. Urijah Faber

Tentando recuperar o cinturão da categoria, Faber surpreendeu a todos aceitando o jogo de trocação do brasileiro. Com boa movimentação, o americano conseguiu equilibrar o combate no primeiro assalto, porém, o que se viu no segundo round em diante foi um domínio absoluto do manauara. Aldo abusou dos low-kicks na perna esquerda de Faber, combinando bem com golpes de boxe. No final do quarto assalto, Urijah já não conseguia ficar em pé e insistiu em tentar levar a luta para o chão, mas sempre por baixo era castigado num eficiente ground and pound. No final do duelo, vitória incontestável de José Aldo que defendeu com sucesso o cinturão até 66 quilos do WEC.

 

Ben Henderson volta a vencer Donald Cerrone

Na esperada revanche entre Ben Henderson e Donald Cerrone, o resultado voltou a ser favorável a Henderson. Se no primeiro duelo entre eles o combate se desenrolou em três rounds disputadíssimos, nesta noite Ben foi rápido no gatilho. Após conseguir uma boa posição no clinch, Henderson chamou o “caubói” para a guarda e encaixou uma justíssima guilhotina, finalizando o combate no primeiro round.

 

Manny Gamburyan nocauteia Mike Brown

Tentando retomar a caminhada para o cinturão dos penas do WEC, Mike Brown foi surpreendido por Manny Gamburyan. O armenio mostrou grande evolução na parte em pé e, com um justo cruzado de contra-golpe, derrubou o atleta da American Top Team com pouco mais de dois minutos do primeiro round e faturou a vitória por nocaute. Confira os resultados:

 

 

Card Principal

– José Aldo derrotou Urijah Faber na decisão unânime dos juízes;

– Benson Henderson finalizou Donald Cerrone com uma guilhotina no R1;

– Manny Gamburyan nocauteou Mike Brown a no R1;

– Shane Roller finalizou Anthony Njokuani com um mata-leão no R1;

– Scott Jorgensen derrotou Antonio Banuelos na decisão unânime dos juízes;

 

Card preliminar:

– Leonard Garcia derrotou Chan Sung Jung na decisão dividida dos juízes;

Anthony Pettis finalizou Alex Karalexis com um triângulo no R2;

Brad Pickett derrotou Demetrious Johnson na decisão unânime dos juízes;

Chad Mendes finalizou Anthony Morrison com uma guilhotina no R1;

– Takeya Mizugaki derrotou Rani Yahya na decisão unânime dos juízes;

– Tyler Toner derrotou Brandon Visher por nocaute técnico no R1.

Deixe seu comentário