Thales Leites faz as pazes com a vitória e vence Sam Alvey no UFC Nashville

Brasileiro, que vinha de três derrotas em quatro lutas, espantou a má fase com uma atuação segura e venceu pela 27ª vez na carreira

T. Leites (esq.) derrotou S. Alvey (dir.) no UFC Nashville. Foto: Jeff Bottari / UFC

T. Leites (esq.) derrotou S. Alvey (dir.) no UFC Nashville. Foto: Jeff Bottari / UFC

A má fase já faz parte do passado para Thales Leites. O brasileiro, que chegou a disputar o cinturão dos médios do Ultimate, vinha de uma sequência de três derrotas em quatro lutas, mas na noite deste sábado ele fez as pazes com a vitória. O faixa-preta bateu o norte-americano Sam Alvey no combate que fechou o card preliminar do UFC Fight Night Nashville, evento realizado na capital do Tennessee (EUA). Com o triunfo, Thales chegou a 27 vitórias e sete perdas como profissional.

A luta

Pressionado pela fase ruim no octógono, Thales evitou desde o primeiro momento a luta franca. O brasileiro trabalhou na média distância com chutes na coxa de Alvey e abriu frente na disputa. Logo no primeiro golpe, o norte-americano perdeu a base e quase chegou a cair. Por outro lado, Sam não conseguia encontrar a distância para trabalhar seu boxe e se mostrou perdido na primeira parcial.

Veja Também

P. Pitbull conquistou cinturão dos penas do Bellator. Foto: Bellator MMA
Patrício Pitbull finaliza Daniel Straus e reconquista cinturão do Bellator

Thales voltou para o segundo round disposto a repetir a mesma tática, mas Alvey se mostrou precavido e evitou os golpes do brasileiro. Em um bom contragolpe, o norte-americano chegou a balançar Leites com um golpe de encontro, mas o brasileiro travou o rival, esfriou o ímpeto de Sam no clinch e ainda conseguiu uma queda nos instantes finais da parcial.

A principal arma de Thales durante toda a luta quase trouxe prejuízo ao brasileiro no terceiro assalto. Em uma tentativa de chute na coxa, o golpe acertou a região genital de Alvey. O árbitro interrompeu o combate e advertiu Leites, que em caso de novo golpe ilegal ele perderia um ponto.

Com receio de trabalhar com chutes na coxa, Thales optou por alguns chutes altos, mas todos bloqueados por Alvey. O norte-americano, atrás nas papeletas dos juízes, começou a caçar Leites pelo octógono, que circulava e esfriava o ímpeto do rival. Em uma destas investidas, Thales voltou a balançar, mas voltou a travar a disputa no clinch até o final da disputa.

Resultados do card preliminar do UFC Nashville:

Peso médio: Thales Leites derrotou Sam Alvey na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso mosca: Brandon Moreno finalizou Dustin Ortiz com um mata-leão a 4m06s do R2

Peso leve: Scott Holtzman derrotou Michael McBride na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-26)

Peso palha: Danielle Taylor derrotou Jessica Penne derrotou na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso galo: Alexis Davis derrotou Cindy Dandois na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28,29-28)

Peso meio-médio: Bryan Barberena derrotou Joe Proctor por nocaute técnico a 3m30s do R1;

Peso mosca: Hector Sandoval derrotou Matt Schnell por nocaute 4m24s do R1

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário