Anderson Silva elogia José Aldo: ‘É muito melhor que eu’

Ídolo brasileiro retorna ao Brasil no próximo sábado em card recheado de estrelas após quase nove anos sem se apresentar em seu país

A. Silva (foto) diz que José Aldo é melhor lutador. Foto: Reprodução/Facebook ufcbrasil

Considerado por muitos o maior lutador de MMA de todos os tempos, Anderson Silva afirmou que José Aldo é melhor lutador. Em entrevista recente concedida ao ‘Combate’, ‘Spider’ falou sobre a carreira e a expectativa de seu duelo no próximo final de semana. Silva enfrentará Jared Cannonier na luta co-principal da noite no UFC 237, no sábado (11).

“Eu acho o Aldo muito melhor. José Aldo é um grande lutador. Um grande nome. Um dos maiores nomes que temos no esporte e tem que ser respeitado. O Aldo é um grande atleta e todo mundo sabe disso. Na minha opinião, ele é um melhor lutador do que eu”, disse o atleta.

O Ultimate retorna ao Brasil com grandes nomes do MMA mundial e traz como luta principal o embate entre Jéssica Andrade, a ‘Bate-Estaca’, contra Rose Namajunas pelo título mundial das palhas (até 52,1kg.). A disputa pelo cinturão, porém, não é o único atrativo do card. O Rio de Janeiro receberá estrelas consagradas do mundo da luta que se apresentarão na capital; entre elas, a lenda BJ Penn, que arrancou elogios de Silva.

Veja Também

Viviane Araujo é convocada às pressas e enfrenta Talita Bernardo no UFC 237
Ex-UFC Felipe Silva assina acordo com o Brave CF
Anderson Silva pede luta contra Conor McGregor ao UFC

“É uma honra dividir o cardo com BJ, José Aldo e Rogério (Minotouro). Uma honra muito grande poder fazer parte deste elenco de lutadores que vão se apresentar no sábado”, elogiou Anderson.

O adversário de Silva é, além de quase 10 anos mais jovem, conhecido pela sua grande força. Com 35 anos, o atleta, em suas 15 lutas como profissional, venceu sete embates por nocaute. No entanto, o ‘Spider’ se mostrou preparado para o duelo.

“Ele é um adversário que vem do peso pesado. Tem uma pegada muito maior do que a dos outros. Já lutou em três categorias diferentes. É um cara que tenho que ter cautela para atuar”, explicou Silva.

Anderson já foi considerado o maior nome do Ultimate, quando dominou a categoria dos médios (até 83,9kg.) por quase sete anos. Incomparável para muitos, mesmo aos 44 anos o brasileiro continua a atrair o público para suas apresentações. Seu último duelo aconteceu contra o atual campeão (linear) da categoria, Israel Adesanya, em fevereiro deste ano.

Seu compatriota, José Aldo, ex-campeão dos penas (até 65,7kg.), não luta no Rio de Janeiro desde 2017, quando foi derrotado por Max Holloway na disputa do cinturão da categoria.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário