Alexander Gustafsson se diz melhor do que Anthony Smith em tudo e mostra confiança na vitória neste sábado

Sueco acredita ser superior ao próximo adversário tanto na luta em pé, quanto no chão; os atletas se enfrentam na luta principal do UFC Estocolmo

A. Gustafsson afirma levar melhor no UFC Estocolmo. Foto: Reprodução/YouTube Ufc

O sueco Alexander Gustafsson esbanjou confiança sobre uma vitória em seu duelo contra Anthony Smith no UFC Estocolmo, que acontece no próximo sábado (1), na Suécia. Em entrevista recente ao ‘Combate’, o ex-desafiante do cinturão dos meio-pesados (até 93kg.) do Ultimate disse que se considera melhor que o oponente em todas as possibilidades possíveis no desenrolar do embate.

Veja Também

John Lineker pede mais lutas ao UFC e diz: ’Se não gostam do meu trabalho, me liberem’
Ultimate atende Cris Cyborg e agenda retorno da atleta para o UFC 240, diz site
Renato Moicano acredita que vitória sobre ‘Zumbi Coreano’ o aproxima de luta pelo título

“Vai ser uma luta e tanto. Posso dizer isso, mas, me vejo muito melhor em tudo. Se ele escolher parar e trocar golpes comigo, eu vou nocautear. Se ele quiser levar para o chão, vou finalizá-lo. De qualquer forma, eu vencerei”, afirmou o sueco.

Curiosamente, os dois atletas vêm de derrota para o atual campeão da divisão, Jon Jones. Gustafsson enfrentou ‘Bones’ na luta que representou o retorno do norte-americano ao octógono, em dezembro de 2018, após mais de um ano afastado por problemas com a Agência Antidoping dos Estados Unidos (USADA). Na ocasião, Jon bateu Alexander por nocaute e voltou a reinar na divisão, conquistando o cinturão vago deixado por Daniel Cormier, que integrou o grupo de lutadores do peso pesado (até 120,2kg.) e, hoje, figura como campeão.

Anthony Smith, por sua vez, marcou a primeira defesa do título de Jones após sua nova fase no Ultimate. Em março deste ano, os compatriotas travaram um duelo de cinco rounds, em que Jones mostrou, mais uma vez, sua superioridade e saiu vitorioso na decisão unânime dos juízes. Sobre a mesma luta, Gustafsson foi perguntado se pôde estabelecer alguma estratégia baseada na performance de Smith contra Jon. O sueco, no entanto, foi direto ao dizer que ‘não’.

“Vi a luta, mas ele só apanhou por cinco rounds e não fez muita coisa. Acho que não vimos o verdadeiro Anthony Smith naquela luta”, disse Alexander, que ressaltou algumas qualidades do próximo oponente. “Ele entra com força e golpeia com força. Ele não fez isso de verdade na luta contra Jones. Não é uma luta que assisti muito e não tirei muita coisa”, finalizou o lutador.

Atualmente, Gustafsson, de 32 anos, é o segundo colocado na divisão dos meio-pesados, atrás apenas de Daniel Cormier, que, mesmo não atuando mais pela categoria, se mantém na lista. Em seu cartel, o sueco soma 23 lutas, com 18 vitórias e cinco derrotas.

Anthony Smith, por outro lado, possui mais lutas em sua lista. Aos 30 anos, o atleta já atuou por 45 vezes, conquistando 31 triunfos e 14 reveses.

Programa de lutas do UFC Estocolmo

CARD PRINCIPAL (14h, horário de Brasília):

Peso meio-pesado: Alexander Gustafsson x Anthony Smith
Peso meio-pesado: Jimi Manuwa x Aleksandar Rakic
Peso pena: Makwan Amirkhani x Chris Fishgold
Peso leve: Damir Hadzovic x Christos Giagos
Peso pena: Daniel Teymur x Sung Bin Jo

CARD PRELIMINAR (11h, horário de Brasília):

Peso meio-médio: Sergey Khandozhko x Rostem Akman
Peso galo: Tonya Evinger x Lina Lansberg
Peso leve: Stevie Ray x Léo Santos
Peso leve: Nick Hein x Frank Camacho
Peso galo: Bea Malecki x Duda Cowboyzinha
Peso meio-pesado: Darko Stosic x Devin Clark
Peso leve: Joel Alvarez x Danilo Belluardo

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário