Ngannou afirma que espera por revanche contra Miocic ainda em 2019: ‘Seria incrível’

Peso pesado quer lutar novamente pelo cinturão e diz que novo embate contra Stipe seria diferente do primeiro, quando foi derrotado por pontos

F. Ngannou em coletiva após o UFC Minneapolis. Foto: Reprodução/YouTube ufc

O temido Francis Ngannou está pronto para tentar conquistar pela primeira vez o cinturão dos pesados (até 120,2kg.) do Ultimate. Após bater Junior Cigano com um nocaute devastador em menos de dois minutos de combate, em julho, o atleta tem pedido ao Ultimate uma nova chance de disputar o título mundial de sua categoria. O franco-camaronês afirmou que gostaria de enfrentar Stipe Miocic ainda este ano e confirmou que a reedição do combate ocorrido janeiro do ano passado terminaria de forma diferente. A declaração foi feita em entrevista recente ao ‘MMA Junkie’.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Eu tenho esperado por isso (uma nova disputa de cinturão). Depois de meu último compromisso, Dana White (presidente do UFC) disse que iria ver o desenrolar do combate entre ‘DC’ (Daniel Cormier) e Stipe (Miocic). Eu estou aguardando. Estou pronto”, disse Francis.

Caso o Ultimate dê uma nova chance a Ngannou, o duelo contra Miocic, que bateu Cormier na luta principal do UFC 241, em agosto, e recuperou o título perdido em julho do ano passado, valeria mais do que o cinturão. O embate marcaria a possibilidade de apagar a derrota do franco-camaronês sofrida por Stipe no ano passado. A derrota para o norte-americano marcou o terceiro revés de Francis em 17 lutas desde que estreou no MMA.

PUBLICIDADE:

“Eu acho que vou receber minha revanche e, definitivamente, não será como da última vez. Espero que possa acontecer em 2019. Seria incrível”, finalizou o lutador.

Desde que estreou pelo Ultimate, em 2016, Ngannou tem assombrado a divisão devido à sua grande força física e capacidade de aplicar nocautes arrasadores em seus oponentes. Com oito vitórias pela empresa, apenas em uma das ocasiões o triunfo não veio com a interrupção do árbitro; o fato aconteceu em dezembro de 2016 (ano do debute), quando o franco-camaronês derrotou Anthony Hamilton por finalização no primeiro round.

Após vencer Cormier, Stipe, em coletiva, afirmou que enfrentaria qualquer oponente que a diretoria do Ultimate impusesse, mas, antes, pediu um período de descanso para se recuperar da batalha travada contra Daniel.

PUBLICIDADE:

 

 

PUBLICIDADE:

Podcast #74: O Adeus trágico a Leandro Lo +Derrotas brasileiras no UFC Vegas 59



Comentários

Deixe um comentário

Resultados do UFC San Diego Resultados da PFL 8 2022 Principais destaques do UFC San Diego Principais destaques da PFL 8 2022 Ranking dos meio-pesados do UFC