Israel faz previsão de enfrentar Jones em 2021: ‘É como um chefão que eu tenho que jogar contra’

Campeão interino dos médios, que luta neste final de semana, ressalta desejo de se testar contra lenda dos meio-pesados

I. Adesanya (foto) quer enfrentar J. Jones em 2121. Foto: Reprodução/Facebook @ufc

O campeão interino dos médios (até 83,9kg.), Israel Adesanya, voltou a falar sobre uma possível luta contra o campeão meio-pesado (até 93kg.), Jon Jones. O nigeriano afirmou que o norte-americano é um grande nome a ser batido e faz planos de realizar uma super luta contra o atleta em 2021. A declaração foi feita em entrevista recente ao ‘The Mac Life’. O atleta, no entanto, afirmou que, antes do desafio, tem algumas lutas a se fazer em sua atual categoria.

Veja Também

Após dois anos, Shogun volta a lutar no Brasil e enfrenta Sam Alvey no UFC São Paulo, diz site
Treinador de Adesanya afirma que pupilo pode desafiar Miocic entre os pesados: ‘Isso nunca foi feito’
Dillashaw diz que quer luta pelo título após suspensão: ‘Eu nunca o perdi. Ainda sou o campeão’

“Com a divisão dos médios, eu acabei ficando um pouco preso. Eu gosto do (Jared) Cannonier neste momento; Tem o Costa (Borrachinha), que tenho que cuidar e alguns outros. Acho que pode acontecer em 2021 (a luta contra Jon Jones). Vou lutar antes disso, provavelmente”, disse Adesanya.

O atleta, porém, vem afirmando que pretende tirar um tempo de folga após seu confronto deste final de semana, quando enfrenta Robert Whittaker na luta pela unificação do título dos médios, no UFC 243. Israel realizou uma grande sequência de lutas em menos de dois anos.

“Foram seis lutas em 18 meses. Obviamente eu vou ter uma longa pausa. É mais complicado (descansar) quando você se torna um campeão. Tem muitas coisas que acontecem rápido. Vamos ver o que acontece”, disse o nigeriano.

Israel ainda foi questionado sobre o fato de muitos considerarem Jones o melhor atleta de MMA de todos os tempos. Para Adesanya, o atleta, apesar de sua qualidade, não é o maior de todos, mas é um homem a ser batido no esporte.

“Eu não diria que ele é o maior de todos, mas ele é, definitivamente, um ‘chefão’ no jogo que eu tenho que jogar contra”, afirmou o lutador.

O campeão interino dos médios ainda escolheu o local onde sonha em realizar sua grande luta.

“Raider Stadium’, em Las Vegas (EUA). É onde vai acontecer. Eu decidi isso em julho, quando eu estive em Vegas”, finalizou o atleta.

Enquanto segue vencendo, Adesanya tem construído grandes planos para a sua promissora carreira, no entanto, para continuar sonhando, o atleta deverá passar por um grande desafio neste sábado (5). O nigeriano trocará, enfim, forças com o campeão linear dos médios a fim de conferir quem será o dono do título absoluto da categoria.

 

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário