Rockhold trata como incerto retorno ao MMA: ‘Não estou interessado em lutar agora’

Em má fase, ex-campeão dos médios não garante volta ao esporte que o apresentou para o mundo

L. Rockhold pode se apostentar de vez do MMA. Foto: Reprodução Facebook UFC

O norte-americano, Luke Rockhold, está longe de ser o atleta que, um dia, esteve no topo do mundo das artes marciais mistas. Após encarar uma sequência de três derrotas em quatro combates, a última em um nocaute brutal em sua estreia pelos meio-pesados, o atleta se mostra sem motivação para continuar levando sua carreira à frente. Em entrevista a Ariel Helwani, o ex-campeão dos médios disse que não pensa no retorno ao esporte no momento.

Saiba mais

Dana White descarta luta entre McGregor e Frankie Edgar: ‘Não vai acontecer’
Estreante no meio-pesado, Chris Weidman é azarão contra Dominick Reyes no UFC Boston
Na caça de Jon Jones, Chris Weidman enfrenta invicto Dominick Reyes nesta sexta-feira

“Não tenho interesse nenhum em lutar agora”, disse Luke, que, segundo o entrevistador, disse que possivelmente ele nunca mais irá lutar de novo.

A sorte de Rockhold começou a mudar quando o norte-americano perdeu seu cinturão dos médios na derrota para Michael Bisping (2016), que emplacou uma grande zebra na história da organização. Luke, que também havia sido campeão no extinto Strikeforce, ao bater o brasileiro Ronaldo Jacaré, em 2011, até sinalizou uma recuperação, quando derrotou o compatriota David Brunch.

Em 2018, Rockhold teve a chance de disputar o título interino dos médios, mas acabou batido pelo cubano Yoel Romero em um nocaute brutal no terceiro round do UFC 221.

Com o novo revés e longe de uma nova luta pelo cinturão, Luke, então, optou por tentar a sorte na divisão que é reinada por Jon Jones. Logo em sua estreia, o Ultimate escalou o combatente em um duelo contra uma verdadeira fera. Rockhold tinha que passar pelo polonês Jan Blachowicz para provar que ainda poderia ser competitivo e render bons combates para a empresa.

A expectativa de uma boa performance, no entanto, durou pouco. Logo nos primeiros minutos da luta, realizada no UFC 239, em julho, Luke mostrou que suas características físicas estavam abaixo das necessárias para encarar um oponente mais forte e acostumado com as situações da categoria. O norte-americano ensaiou algumas quedas, mas acabou frustrado pelas defesas eficientes do oponente.

Com dificuldades visíveis, foi questão de tempo para que Jan conseguisse uma boa vitória sobre o ex-campeão dos médios, confirmando mais um nocaute sofrido pelo norte-americano.

Caso opte por encerrar, de fato a carreira, Rockhold , de 34 anos , deixará um cartel profissional com 20 lutas, 16 vitórias e quatro derrotas.

Fora das artes marciais mistas, o atleta costuma realizar alguns trabalhos como modelo para grandes marcas.

Deixe seu comentário