Dana White manda recado a Johnny Walker: ‘Não se brinca nesse esporte’

Presidente do Ultimate comenta derrota de brasileiro, que era cotado como futuro desafiante de Jon Jones nos meio-pesados

D. White em coletiva de imprensa. Foto: Relacionadas/YouTube UFC

Uma das maiores surpresas do UFC 244 foi a derrota de Johnny Walker para Corey Anderson, na última luta do card preliminar do evento, realizado neste sábado (2), em Nova York. Considerado uma das promessas dos meio-pesados, o brasileiro não teve chances contra a força de Corey Anderson, que nocauteou o atleta logo no primeiro round do combate. O presidente do Ultimate falou sobre a atuação de Walker e aproveitou para dar um conselho ao lutador. A declaração foi feita em entrevista coletiva após o espetáculo.

Veja Também

Dana White descarta revanche entre Masvidal e Nate Diaz: ‘Não me interessa’
Dana White afirma que Jones deve enfrentar Dominick Reyes em seu próximo compromisso: ‘É o que faz sentido’
Jones ironiza derrota de Johnny Walker: ‘Eu não me impressiono tão rápido’

“Não é que ele tenha ido mal, mas você não pode se mover daquela forma tendo pela frente um Corey Anderson irritado como ele estava. Não se brinca nesse esporte, muito menos aqui no UFC”, disse o chefão.

Adversário do brasileiro, Anderson entrou no octógono na intenção de quebrar o encanto que muitos entusiastas do MMA estavam com relação a Walker. Com menos de três minutos de combate, o norte-americano conseguiu calar os fãs tupiniquins e emplacar um nocaute brutal sobre o atleta que vinha sendo considerado uma das grandes promessas para o futuro da categoria.

Antes de subir no octógono, Johnny havia se apresentado por três vezes no Ultimate. Em todas as ocasiões, o lutador conseguiu nocautes rápidos sobre seus adversários, o que rendeu ao atleta uma rápida ascensão no esporte e dentro da categoria.

Em entrevistas recentes, o lutador de Belford Roxo seguia mostrando confiança em seu talento, tendo, inclusive, desafiado o campeão, Jon Jones em suas redes sociais.

Após a derrota de Walker, Jones fez questão de ironizar a performance do brasileiro, dizendo que já imaginava o que aconteceria.

Com o triunfo, Anderson se colocou na linha de frente para enfrentar o atual dono do cinturão. Junto a Dominick Reyes, o atleta é o que está em melhores condições para trocar forças com aquele que é considerado, por muitos, como o melhor atleta da história do MMA.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments