Romero na caça de Adesanya: ‘O que houve? Ouviu que mando meus oponentes para o hospital?’

Cubano retoma discurso provocativo a campeão dos médios e insiste que pode ser o próximo desafiante de Israel

Y. Romero (foto) volta a provocar I. Adesanya. Foto: Reprodução/Facebook UFC

A divisão dos médios ficou agitada na última semana após a divulgação da notícia de que o brasileiro, Paulo Borrachinha, estaria impossibilitado de enfrentar o campeão Isarael Adesanya após uma lesão no bíceps. Após tomar conhecimento do assunto, Yoel Romero imediatamente disparou uma metralhadora de provocações na intenção de conquistar ocupar a vaga do mineiro. O nigeriano já havia manifestado a vontade de enfrentar o cubano, mas, segundo Romero, deu um passo atrás. Em vídeo gravado no seu Instagram, Yoel voltou a desafiar Israel.

Saiba mais

Mesmo vencendo Diaz, Masvidal permanece em terceiro no ranking dos meio-médios
Corey Anderson volta atrás e afirma que aguardaria confronto entre Jones e Reyes pelo cinturão
Derrick Lewis confessa que acreditou ter perdido luta para Blagoy Ivanov: ‘Fiquei surpreso com a vitória’

“Você me desafia e depois arranja desculpas para correr? O que aconteceu? Você ouviu falar que eu mando as pessoas para o hospital depois de minhas lutas? Não recue agora”, escreveu Romero.

No vídeo, ainda, o lutador questiona o fato de o nigeriano, segundo o ex-desafiante, ter dado um passo atrás na questão de desafiá-lo para um confronto.

“Hey, Adesanya, você me desafia e depois foge? Por quê? Só porque eu sou musculoso? Não. Vamos lutar. Resolva isso hoje. Ligue para o Dana White. Me dê a data”, disse o cubano.

O combate de Yoel contra Adesanya teria tudo para ser um grande atrativo ao público. No entanto, o retrospecto recente de Romero na empresa desanimou a diretoria, inclusive o presidente, Dana White. O fato de o cubano ter três derrotas em seus últimos quatro compromissos.

Yoel, no entanto, é considerado um dos atletas mais temidos dentro de sua divisão. O lutador vem de uma verdadeira batalha contra Paulo Borrachinha em confronto ocorrido em agosto, pelo UFC 241.

Para White, Romero deve vencer uma luta para que possa ser credenciado a disputar a cinta. Atualmente, o combatente figura na terceira posição da divisão, atrás apenas de Robert Whittaker, ex-campeão e Borrachinha, seu último algoz.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário