Francis Ngannou e Jairzinho Rozenstruik fazem luta principal do UFC Columbus, em março

Em boa fase dentro do Ultimate, ‘gigantes’ devem trocar forças no início de 2020 em busca de uma chance de disputar o cinturão dos pesados

F. Ngannou (esq.) e J. Rozenstruik (dir.) fazem luta principal do UFC Columbus, em março. Foto: Montagem SL/MMA Press

Após atingir a marca de quatro lutas em 2019 e sair com vitórias expressivas, Jairizinho Rozenstruik entrou definitivamente no radar do Ultimate. Com um ano vitorioso, o surinamês pode voltar ao octógono, em 2020, para realizar a maior luta de sua vida. Segundo a ‘ESPN’, o ‘gigante’ tem acordo verbal para enfrentar Francis Ngannou na luta principal do UFC Columbus, em 28 de março. Esta seria a segunda vez em que o atleta encabeça um card da organização.

Saiba mais

Dana White confirma interesse em duelo entre Amanda Nunes e a campeã de boxe Claressa Shields
Kamaru Usman e Max Holloway são favoritos para defenderem seus títulos no UFC 245
Germaine se diz tranquila para duelo contra ‘Leoa’ neste sábado: ‘Não tenho nada a perder’

Buscando insistentemente um duelo desde que derrotou Júnior Cigano, em junho, Francis vê com bons olhos a chance de realizar uma ‘batalha de gigantes’ contra o surinamês. O retrospecto recente do possível adversário credencia o atleta a travar uma peleja com o franco-camaronês.

Mesmo sem ser oficializado pelo UFC, o embate entre Jairzinho e Ngannou só faz provar a relevância meteórica do surinamês para a empresa. O atleta, que estreou pela companhia em fevereiro de 2019, vem colecionando vítimas e mostrando ser um nome de grande força para a divisão.

Depois de aceitar um compromisso de última hora, dividir o octógono com o ícone do MMA, Alistair Overeem, e tirar um nocaute impressionante da cartola nos segundos finais da luta principal do UFC Washington, Rozenstruik mostrou que chegou ao Ultimate para ficar. Com o triunfo sobre o holandês, o surinamês saltou nove posições e, hoje, ocupa o sexto lugar no ranking da categoria.

A luta entre os dois deve render um alto número de espectadores, já que se trata de dois nocauteadores natos. Uma vitória convincente pode colocar um dos pesados na linha de frente para uma disputa de cinturão logo depois que o campeão, Stipe Miocic, e o ex-dono do título, Daniel Cormier, resolverem suas pendências em uma revanche, que pode acontecer no primeiro semestre do próximo ano.

Os dois atletas já deram início à promoção do confronto em suas redes sociais.

 

Ver essa foto no Instagram

 

This is definitely about to go down. #UNCROWNEDCHAMP ☝️.

Uma publicação compartilhada por Francis Ngannou (@francisngannou) em

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário