Livinha Souza desafia Mackenzie Dern para luta no UFC Brasília

Paulista mostra respeito a compatriota, mas afirma que duelo seria interessante para os fãs brasileiros

L. Souza em apresentação pelo UFC. Foto: Reprodução/Instagram @livinhaufc

Buscando recuperar o caminho das vitórias, Livinha Souza já encontrou um novo alvo para seu próximo desafio. A paulista afirmou que gostaria de trocar forças contra Mackenzie Dern em uma das lutas do UFC Brasília, que acontece em 14 de março. O desafio foi feito em entrevista ao ‘MMA Fighting’.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Quero lutar em Brasília. Vamos ver o que acontece. Se Mackenzie quiser, estou aqui”, afirmou a atleta.

Embora tenha feito um pedido que provavelmente dividirá a torcida brasileira, caso o combate entre em negociações, Livinha faz questão de reforçar que admira Dern e que a disputa seria totalmente por fins profissionais.

PUBLICIDADE:

“Eu gostaria de lutar contra ela porque eu a admiro. Seria uma grande luta de jiu-jitsu para os fãs. Você só se torna uma lenda vencendo outra”, declarou.

Ex-campeã do Invicta FC, Souza precisa reencontrar o caminho das vitórias em seu próximo compromisso. A paulista vem de derrota para Brianna Van Buren, em julho, em combate que representou seu primeiro resultado negativo desde que estreou pelo Ultimate, em setembro de 2018.

PUBLICIDADE:

Assim como Livinha, Mackenzie, que foi contratada como uma das promessas da divisão das palhas (até 52,1kg.), quer voltar a vencer após ter sido batida por Amanda Ribas no UFC Tampa, em outubro. Até o encontro com a mineira, Dern mantinha um cartel perfeito, com seis lutas e sem reveses.

PUBLICIDADE:

Com 28 anos, Souza, hoje, soma 15 lutas como profissional no MMA, tendo vencido 13 e saído derrotada em duas ocasiões.

Mackenzie, por sua vez, tem sete confrontos e um revés.

 

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?

Comentários

Deixe um comentário