Campeão do Bellator, Rafael Lovato revela doença rara e confirma pausa na carreira | SUPER LUTAS

Campeão do Bellator, Rafael Lovato revela doença rara e confirma pausa na carreira

Norte-americano atualiza fãs sobre real condição de saúde e sugere que pode se aposentar, caso seja recomendado por médicos

R. Lovato (dir.) após conquistar título do Bellator. Foto: Divulgação/Twitter @bellator

O atual campeão dos médios (até 83,9kg.) do Bellator, Rafael Lovato, surpreendeu o mundo do MMA ao confirmar que sofre de uma doença rara e deve se afastar das lutas para realizar seu tratamento. O norte-americano admitiu ter cavernoma, que proporciona o desenvolvimento anormal de vasos sanguíneos no cérebro. Em entrevista ao ‘ The Joe Rogan Experience’, o atleta falou sobre o caso.

Veja Também

“Eu não estou me aposentando oficialmente. Eu definitivamente estou fora no momento. Estou vendo mais médios e buscando aprender mais sobre isso (a doença). Obviamente, eu quero continuar lutando. Ainda tenho esperança que se eu continuar a ver mais médicos e conseguir mais conhecimento (vou seguir a carreira). Isso é algo tão raro e único. Ninguém sabe muito sobre. Existem algumas pessoas dizendo: ‘Não, nem pensar’. E tenho esses outros especialistas e pessoas que lidaram com isso que falam: ‘Sim, está tudo bem’. É indefinido”, afirmou.

Campeão desde junho de 2019, quando surpreendeu o mundo e bateu Gegard Mousasi, o norte-americano de 36 anos afirmou que, apesar de estar na melhor fase da sua carreira, não verá problemas em confirmar a aposentadoria, caso não seja autorizado a voltar ao cage devido à sua condição.

“Se realmente não for seguro e eu não for liberado nunca, eu finalmente cheguei em um ponto onde eu consigo aceitar isso e eu vou seguir com a minha vida. Se eles (Bellator) precisarem marcar uma luta para determinar um novo campeão, está tudo bem. Vou fazer tudo que posso para ser aprovado para retornar. Mas isso é meio que um período de indefinição”, finalizou.

Atualmente, Lovato, que estreou no esporte em setembro de 2014, soma 10 apresentações e nunca foi batido em uma disputa oficial. O atleta ainda não chegou a defender seu título.

 

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments