Após desbancar Cigano, Blaydes pede para que Miocic 'destrave' divisão: 'Tem que lutar' | SUPER LUTAS

Após desbancar Cigano, Blaydes pede para que Miocic ‘destrave’ divisão: ‘Tem que lutar’

Em grande fase no UFC, norte-americano pede que campeão retorne à ativa para dar oportunidade a novos talentos

C. Blaydes (foto) comemora vitória sobre J. Cigano. Foto: Reprodução / Facebook @ufc

Depois de derrotar Júnior Cigano no UFC Raleigh, Curtis Blaydes mandou um recado para o atual da categoria, Stipe Miocic. O norte-americano pede que o dono do cinturão volte a defender seu posto para ‘descongestionar’ a divisão dos pesados (até 120,2kg.). Em entrevista ao ‘The Ariel Helwani’s MMA Show’, o combatente ‘enquadrou’ o número um da categoria.

Veja Também

“Sem desrespeitar ele (Stipe Miocic), o acho um lutador incrível, um cara bacana, mas estou no auge. Não tenho tempo para esperar os velhos absorverem os holofotes. Você precisa sair do caminho e dar espaço para o sangue novo chegando”, afirmou Blaydes.

Vindo de três vitórias consecutivas, Curtis, que não perde desde o revés sofrido para Francis Ngannou, em novembro de 2018, declarou que o campeão precisa retornar ao octógono para defender seu posto, já que não atua desde que retomou seu reinado, em agosto do ano passado.

“Depois que você passa pelo Derrick Lewis, a categoria dos pesados é bem nebulosa. Está tudo nas mãos de Stipe. Sei que ele tem essa lesão, e que vai ficar afastado por um tempo, mas seria ótimo se ele tomasse uma decisão. Tenho muito respeito pelo Stipe, treinamos juntos há um tempo, mas não o imaginava sendo o tipo de campeão que cria um impasse desses. Parece que ele está apenas absorvendo os holofotes, o que é direito dele por ser o campeão. Mas o campeão tem que lutar”, finalizou Curtis.

Após o duelo contra Daniel Cormier, Miocic acusou uma lesão no olho e afirmou que precisaria ficar um tempo fora de ação para poder realizar a recuperação completa. O campeão, no entanto, deu declarações de que gostaria de realizar uma superluta. O interesse inicial de Stipe era promover o duelo contra o astro do boxe, Tyson Fury.

Atualmente, Blaydes ocupa a terceira posição no ranking dos pesados. O atleta figura atrás apenas de Ngannou, Daniel Cormier e o próprio campeão.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments