UFC 150: Em grande batalha, Ben Henderson vence Frankie Edgar e defende cinturão

Promessa feita, promessa cumprida. Ben Henderson e Frankie Edgar afirmaram que fariam uma grande revanche no UFC 150, evento realizado neste sábado (11), em Denver, nos Estados Unidos, na disputa do cinturão dos pesos leves. E ao final de 25 minutos de uma intensa batalha, e mais uma decisão controversa dos juízes, Bendo defendeu o cinturão da categoria pela a primeira vez.

Ben Henderson (dir.) vence Frankie Edgar (esq.) em uma luta disputadíssima no UFC 150

Em grande batalha, Bendo bate Edgar
No UFC 144, Ben Henderson tomou o cinturão dos pesos leves de Frankie Edgar em uma disputa apertadíssima, justamente por isso o ex-campeão ganhou o direito da revanche. E a história do primeiro confronto se repetiu no UFC 150, com contornos de emoção, provocações e alternância no controle do combate.

O campeão começou melhor, usando sua maior envergadura para acertar o desafiante com chutes baixos. Por sua vez, Edgar tentava usar a já conhecida velocidade para acertar o adversário e sair do raio de ação.

No segundo round, foi a vez de Edgar assumir o controle da disputa, quando chegou a desequilibrar Henderson com um soco e prender o adversário contra as grades, tentando estrangulá-lo.

O equilíbrio permaneceu nos assaltos seguintes, com alternâncias no controle da disputa. No final do quarto assalto, Ben chegou a abaixar a guarda abrir os braços, chamando Frankie para a troca franca.

No último round, com melhor preparo físico, Frankie conseguiu impor novamente seu jogo e chegou a derrubar o campeão em duas oportunidades, mas Edgar não conseguiu trabalhar seu jogo de solo.

No final de 25 minutos de uma intensa disputa, vitória de Ben Henderson na decisão dividida dos juízes (48×47, 46×49, 48×47). A decisão irritou Frankie Edgar, que chegou a jogar o boné no chão, e parte do público presente na Pepsi Arena, em Denver.

Cerrone nocauteia Guillard
Na segunda luta mais importante da noite, Donald Cerrone sofreu um susto no início diante de Melvin Guillard, mas conseguiu se recuperar e emplacar sua segunda vitória consecutiva na organização, voltando a ser cotado como possível desafiante ao cinturão.

Logo nos primeiros movimentos, Guillard surpreendeu o “Cowboy”, como é conhecido Donald, e com um cruzado, que fez o lutador perder o equilíbrio. Porém, Cerrone conseguiu se manter em pé na disputa e no primeiro golpe acertado em cheio encerrou a disputa de maneira sensacional.

Com um chute alto, que acertou a têmpora de Melvin, Donald fez o adversário dobrar o joelho e com mais um direto levou o Guillard a nocaute.

 

Confira abaixo os resultados completos do UFC 150:

Card Principal
Ben Henderson derrotou Frankie Edgar na decisão dividida dos juízes;
Donald Cerrone derrotou Melvin Guillard por nocaute no R1;
Jake Shields derrotou Ed Herman na decisão unânime dos juízes;
Yushin Okami derrotou Buddy Roberts por nocaute técnico no R2;
Max Holloway derrotou Justin Lawrence por nocaute técnico no R2;

Card Preliminar
Dennis Bermudez finalizou Tommy Hayden com uma guilhotina no R1;
Michael Kuiper derrotou Jared Hamman no R2;
Erik Perez derrotou Ken Stone por nocaute no R1;
Chico Camus derrotou Dustin Pague na decisão unânime dos juízes;
Nik Lentz derrotou Eiji Mitsuoka por nocaute técnico no R1.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments