Mike Perry dispensa treinadores e vai ter apenas namorada no córner neste sábado

Irreverente, atleta inova em duelo contra Mickey Gall no UFC Las Vegas 4, afirmando que não precisa de técnicos principal para o confronto

M. Perry confirma que não levará um treinador principal para luta no UFC Las Vegas 4. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

Conhecido por sua irreverência dentro e fora do octógono, Mike Perry voltou a causar. Com luta marcada para este sábado (27), quando enfrenta Mickey Gall na luta co-principal do UFC Las Vegas 4, o meio-médio (até 77kg.) afirmou que não levará um treinador principal e terá apenas sua namorada, Latory Gonzalez, em seu córner para o compromisso. Em entrevista à ‘ESPN’, o norte-americano explicou a decisão.

Veja Também

“Ela (Gonzalez) é perfeita. Tem experiência no boxe e no wrestling. Lutou durante o colegial. Ela vai fazer o principal que eu pediria para um treinador: ‘Apenas sentar lá e aproveitar o show’. Porque você tem o melhor assento e eu não preciso do seu conselho. Eu fiz o meu trabalho, eu visualizei a luta na minha cabeça mil vezes e eu vou bater no rosto desse cara”, declarou Perry.

Embora esbanje confiança, Mike não vive um grande momento em sua carreira. Vindo de dois resultados negativos em sequência, o norte-americano tem seis derrotas em suas últimas 10 apresentações.

Perry não atua desde dezembro do ano passado, quando foi batido por Geoff Neal por nocaute, no UFC 245.

Responsável por protagonizar a penúltima luta da noite junto a Mike, Mickey vai buscar a segunda vitória consecutiva. Conhecido por suas finalizações, o norte-americano tentará anular os perigos da trocação do compatriota, que soma 11 nocautes em 13 triunfos no MMA.

Comentários

Deixe um comentário