Tyron Woodley aposta em Gilbert Durinho para eventual luta contra Kamaru Usman

Com a experiência de ter enfrentado os dois combatentes, ex-campeão explica como brasileiro pode se sobressair contra nigeriano e conquistar cinturão

G. Durinho (esq.) derrota T. Woodley (dir.) na luta principal do UFC Woodley x Durinho. Foto: Reprodução/Instagram @ufc_brasil

Número um no ranking dos meio-médios (até 77kg.), Gilbert Durinho ganhou um apoiador de peso para seu eventual confronto contra Kamaru Usman em disputa pelo cinturão da categoria. Ex-campeão da divisão e derrotado recentemente pelo niteroiense, Tyron Woodley revelou que aposta suas fichas em um triunfo do brasileiro sobre o nigeriano.

Veja Também

SUPER LUTAS lança Podcast e debate cinturão de Deiveson Figueiredo no UFC; Escute!
Invicta no MMA, Marina Rodriguez exalta desafio contra Carla Esparza neste final de semana: ‘Motivação extra’
Darren Till quer disputa de cinturão, caso vença Robert Whittaker neste sábado

“Ele (Durinho) tem força. Ele tem mais força que Usman. É um greppler (luta agarrada) melhor do que Usman, um jiu-jitsu. Na trocação ele pode não ser melhor, mas ele bate mais forte. Nós podemos ser realistas: Gilbert vai ganhar na luta no chão. Talvez não de costas (no chão), mas, se ele encontrar uma posição por cima e conseguir chegar às costas, é um problema”, afirmou Woodley em entrevista ao ‘MMA Junkie’.

Além de ter enfrentado Gilbert em seu último compromisso no UFC, Tyron também pode falar com propriedade sobre Usman, afinal, o nigeriano foi o responsável por encerrar o reinado do norte-americano na organização. Os combatentes trocaram forças em março do ano passado, quando Kamaru derrotou o ex-campeão com uma performance dominante.

“Usman é acima da média em todos os aspectos, mas ele não é excelente em nenhum fundamento. É um bom executor. Ele é excelente em fazer ajustes no meio da luta”, encerrou Tyron.

Embora o presidente do Ultimate, Dana White, tenha garantido que Durinho será o próximo desafiante ao cinturão dos meio-médios, ainda não há previsão de quando a luta deverá acontecer. Kamaru defendeu seu título recentemente contra Jorge Masvidal, que substituiu Gilbert no UFC 251, após o brasileiro testar positivo para Covid-19.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments