Jairzinho enaltece Cigano, mas aposta em nocaute contra brasileiro no UFC 252

Surinamês enfrenta ex-campeão dos pesados neste sábado e acredita que bater um grande nome pode colocá-lo no radar para uma futura disputa de cinturão

J. Cigano (esq.) enfrenta J. Rozenstruik no UFC 252, em agosto. Foto: Reprodução/Instagram @jairzinho.rozenstruik

Marcado pela disputa do cinturão dos pesados (até 120,2kg.) entre Stipe Miocic e Daniel Cormier, o UFC 252, que acontece neste sábado (15), em Las Vegas (EUA), terá outro confronto importante para a divisão. No encontro entre Jairzinho Rozenstruik e Júnior Cigano, o surinamês estará diante de um dos maiores adversários da sua carreira, mas, mesmo mostrando respeito ao catarinense, acredita que sairá com o braço levantado no fim do embate.

Veja Também

Markus Maluko prevê vantagem sobre Rodolfo Vieira em duelo brazuca: ‘MMA é outra coisa’
Saída de Corey Anderson do UFC favorece brasileiros no ranking dos meio-pesados
IMAGEM FORTE: Luta no ‘Dana White’s Contender Series’ é interrompida após lesão chocante; Assista

“Eu costumava assistir às lutas de Júnior Cigano. Eu sei que ele é perigoso e pode boxear muito bem. Ele tem todas as ferramentas. Então, eu tenho trabalhado em tudo. Essa vai ser uma boa luta. Vou para o nocaute. Fiz uma boa preparação. Estou me sentindo bem. Mal posso esperar”, disse o peso pesado em entrevista ao ‘BJPenn’.

Vindo de uma dura derrota para Francis Ngannou, em maio deste ano, que marcou o primeiro resultado negativo de sua carreira, Jairzinho valoriza o encontro contra o brasileiro. Para ele, a oportunidade de encarar o ex-campeão da divisão é uma grande possibilidade para se estabilizar no topo da categoria e seguir sonhando com uma disputa de cinturão.

“Essa (luta) significa tudo. O cinturão é tudo para mim. Então, essa é a luta mais importante. Uma vitória sobre ele (Cigano) me coloca em um bom lugar na divisão e me ajuda a conseguir uma luta pelo título. Meu sonho segue vivo. Será uma grande luta para mim”, finalizou.

Atualmente, Rozenstruik é o número seis da divisão liderada por Stipe Miocic. Júnior vem uma posição acima do surinamês, em quinto.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments