Edson Barboza tem adversário trocado e enfrenta Sodiq Yusuff em 10 de outubro

Brasileiro enfrentaria Jeremy Stephens no mesmo card, mas, agora, troca forças contra número 11 no ranking dos penas e invicto no UFC

E. Barboza (esq.) enfrenta S. Yusuff (dir.) em 10 de outubro. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Mudança de planos. Após chegar a um acordo verbal para enfrentar Jeremy Stephens no card confirmado para 10 de outubro, sem local definido, Edson Barboza, agora, tem um novo adversário. O brasileiro vai trocar forças contra Sodiq Yusuff na mesma data e tentará retomar o caminho das vitórias no UFC. A informação foi divulgada pelo ‘Combate’.

Veja Também

Árbitro de ‘Miocic x Cormier’ admite erro no UFC 252 e se desculpa com DC
Feliz na nova fase na carreira, Renan Barão não descarta retorno ao UFC no futuro: ‘Pode acontecer’
Ex-campeão dos galos, Henry Cejudo ironiza derrota de Sean O’Malley no UFC 252

Segundo o ‘Combate’, Stephens optou por não topar o desafio contra Barboza seguindo a ideia de que poderia ter dificuldades em bater o peso dos penas (até 65,7kg.), já que retomou recentemente a rotina de treinos. Desta forma, restou ao Ultimate buscar um novo rival para o brasileiro, que vem de derrota contestada para Dan Ige, em maio deste ano.

Com resultado negativo na última apresentação, Edson vive seu pior momento na carreira desde a estreia como profissional no MMA. São três derrotas consecutivas e cinco em seu retrospecto recente. A última vitória do friburguense aconteceu em dezembro de 2018, quando bateu Dan Hooker por nocaute.

Enquanto Barboza busca se recuperar, Sodiq vem nadando de braçada no Ultimate. O norte-americano não sabe o que é perder desde que debutou no UFC. Até o momento, são quatro apresentações com vitórias incontestáveis. Os resultados recentes deram a Yusuff a 11ª posição no ranking dominado por Alexander Volkanovski.

Caso derrote o norte-americano, Edson conseguirá o primeiro triunfo desde que migrou para a divisão dos penas e entrará de vez na elite do grupo.

O card de 10 de outubro será encabeçado por Marlon Moraes e Cory Sandhagen, que se enfrentam na busca de uma chance de lutar pelo cinturão dos galos (até 61,2kg.), hoje, nas mãos de Petr Yan.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments