Ex-campeão dos galos, Henry Cejudo ironiza derrota de Sean O'Malley no UFC 252 | SUPER LUTAS

Ex-campeão dos galos, Henry Cejudo ironiza derrota de Sean O’Malley no UFC 252

Duplo campeão do Ultimate, norte-americano critica resistência de promessa da organização em revés sofrido para Marlon Vera no último final de semana

M. Vera aplica nocaute em S. O’Malley no UFC 252. Foto: Reprodução/Instagram

A derrota de Sean O’Malley para Marlon Vera no último sábado (15), pelo UFC 252, foi uma surpresa para muitos fãs de MMA. Batido por nocaute no primeiro round, a atuação da promessa dos galos (até 61,2kg.) não passou despercebida e gerou críticas por parte do ex-campeão da divisão, Henry Cejudo, que usou as redes sociais para ironizar o resultado.

Veja Também

“Eu enfrentei DJ (Demetrious Johnson) e Marlon (Moraes) ‘sem pernas’. Esses ataques quebraram suas unhas e ele não pôde competir”, criticou Cejudo, que exibiu um vídeo de uma possível lesão sofrida no decorrer de sua luta contra Johnson, em agosto de 2018.

Como 25 anos e invicto em sua carreira com 12 lutas – antes do UFC 252 –, O’Malley era tratado como uma joia a ser lapidada pela organização. A aposta no atleta era tão grande que a diretoria do Ultimate escalou o peso galo em lugar de destaque em um dos maiores cards do ano, assumindo, inclusive, a posição de Júnior Cigano e Jairzinho Rozenstruik na luta co-principal do espetáculo.

Favorito no embate contra Vera, Sean viu sua invencibilidade ser colocada em risco após sofrer uma possível lesão no tornozelo sofrida ao pisar em falso no octógono logo no primeiro roud. Sem conseguir se apoiar com firmeza no chão, O’Malley acabou sendo presa fácil de Marlon, que se aproveitar no momento e liquidou a fatura com um nocaute nos minutos iniciais.

Após o embate, sem dar detalhes sobre a lesão, Sean resumiu seus sentimentos em uma publicação nas redes sociais usando apenas uma palavra: ‘Humilhado’.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments