Volkanovski responde Patrício ‘Pitbull’ e pede que Dana promova superluta: ‘Dinheiro fácil’

Campeão dos penas do Ultimate entra na ‘guerra’ entre UFC e Bellator e garante que derrotaria brasileiro em um eventual confronto

A. Volkanovski após conquistar o cinturão dos penas no UF 245. Foto: Reprodução/Instagram @alexvolkanovski

A ‘guerra’ entre UFC e Bellator parece estar apenas começando. Depois dos presidentes das organizações, Dana White e Scott Coker, respectivamente, trocarem farpas publicamente, chegou a vez dos lutadores. Campeão dos penas (até 65,7kg.) do Ultimate, Alexander Volkanovski aceitou o desafio do maior nome da concorrente, Patrício ‘Pitbull’, que recentemente afirmou que apostaria US$1 milhão em uma vitória sobre o australiano e Khabib Nurmagomedov.

Veja Também

Charles do Bronx se irrita e critica atletas do top 5 dos leves: ‘Só lutam entre eles’
Técnico de Daniel Cormier apoia decisão de pupilo em se aposentar: ‘Ele não é o mesmo’
Israel Adesanya cita USADA e ataca Paulo ‘Borrachinha’ de forma pesada

“Eu apostaria US$1 milhão (cerca de R$5,6 milhões) com Dana White em mim mesmo”, escreveu Patrício em sua conta no Twitter.

Sabendo da afirmação de ‘Pitbull’, que, além de campeão dos penas, também ostenta o título dos leves (até 70,3kg.) do Bellator, o líder da divisão até 65,7kg. do UFC não se intimidou. Alexander Volkanovski aproveitou a deixa para aceitar o desafio e pediu ao seu chefe que cogite a ideia.

“É o dinheiro mais fácil que você vai ganhar. Dana White, vamos fazer isso acontecer”, respondeu o australiano.

A troca de farpas entre UFC e Ballator começou depois que Scott Coker disse publicamente que, com a saída de Jon Jones dos meio-pesados (até 93kg.) do Ultimate, sua organização, agora, tinha o melhor grupo entre atletas até 93kg. Ao saber da afirmação do concorrente, White não gostou e tratou com ironia a situação.

Após a movimentação dos mandatários, diversas análises passaram a ser feitas para tentar realizar quais, entre os melhores atletas das duas companhias, venceriam uma eventual superluta.]

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments