Ultrapassado por Covington, Durinho critica ranking do UFC e volta a pedir luta pelo cinturão dos meio-médios | SUPER LUTAS

Ultrapassado por Covington, Durinho critica ranking do UFC e volta a pedir luta pelo cinturão dos meio-médios

Brasileiro cai para a segunda posição no ranking do peso meio-médio e se posiciona para não ser esquecido pela organização

G. Durinho critica ranking do UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Não é de hoje que o sistema de ranqueamento do UFC é criticado por algumas escolhas equivocadas, privilegiando alguns atletas e ignorando outros. O último a mostrar insatisfação foi Gilbert Durinho, que foi ultrapassado por Colby Covington no top-15 do peso meio-médio (77,6kg). O brasileiro, que estava na primeira posição após vencer o ex-campeão, Tyron Woodley, e alcançou o status de desafiante da categoria, não gostou de perder o lugar para o rival Covington, que passou pelo mesmo Woodley, que vinha de duas derrotas consecutivas, no UFC Las Vegas 11.

Temendo perder o status de desafiante, Durinho foi ao Twitter se posicionar e, novamente, pediu a chance de lutar pelo cinturão da categoria.

Veja Também

“Só podem estar brincando comigo! Venci Woodley quando ele era o número um do ranking, Covington assistiu minha luta, repetiu o que eu fiz e está acima de mim? Ele acabou de vencer o número cinco, que vinha de duas derrotas e está sem alma. Quem faz esse ranking? Dana White, me envie o contrato o mais rápido possível #AndNew”, postou Durinho.

A preocupação de Gilbert Durinho faz sentido, já que o UFC, muitas vezes, valoriza mais os atletas que têm a capacidade de promover lutas e, de certa forma, esquece o mérito. Como Kamaru Usman e Colby Covington já se enfrentaram pelo cinturão do peso meio-médio e travaram uma batalha emocionante, elogiada publicamente pelo próprio Dana White, obviamente, há interesse em um novo encontro entre eles, ainda mais com a questão política envolvida.

Sabendo disso, o brasileiro costuma marcar presença nos eventos do UFC e tem sido bastante ativo nas redes sociais para não perder sua posição.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments