Desafiado por Khamzat Chimaev, Israel Adesanya responde: ‘Nem conheço esse cara’

Campeão do peso médio não se mostra preocupado com promessa do UFC e questiona seu nível de habilidade

I. Adesanya minimiza hype em torno de K. Chimaev. Foto: Reprodução/Instagram

Israel Adesanya se tornou um dos alvos de Khamzat Chimaev e, como não poderia ser diferente, teve que opinar a respeito da mais nova promessa do MMA. O campeão dos médios (83,9kg) lutará contra Paulo Borrachinha no UFC 253, evento que acontece nesse sábado (26), em Abu Dhabi, porém achou um tempo em sua agenda para responder ao desafio feito pelo sueco.

Ao site norte-americano Yahoo! Sports, ‘The Last Stylebender’ provocou Chimaev ao dizer que não sabe quem ele é, nem se está pronto para lutas maiores, que nunca o assistiu em ação e atacou sua aparência.

Veja Também

Indignado com estatística sobre Khamzat Chimaev, ex-árbitro ressalta feitos de Royce Gracie
Empresário de Khamzat Chimaev imagina como seria luta contra Conor McGregor e aposta em fim trágico
Empolgado com sucesso de Khamzat Chimaev, Daniel Cormier cita adversário ideal e faz previsão ousada
Recém contratado pelo UFC, Chandler garante ter o que é preciso para vencer Khabib e Gaethje
Apesar de interesse, Dana White considera difícil retorno de Brock Lesnar ao UFC

“Eu nem conheço o cara e ainda não vi as lutas dele. Eu assisti a coletiva de imprensa e ele falou muita besteira. Ele estava apenas lançando sua rede. Você já o viu lutar? Lábio de rato? Ah… Ele enfrentou uma competição de baixo nível. Então ele acha que sou uma luta fácil? isso é interessante. Quero dizer, todos acham isso antes da luta e jogam palavras ao vento. Deixe ele continuar jogando a rede dele”, respondeu Adesanya.

Vale lembrar que essa história começou, quando Khamzat Chimaev apareceu pela primeira vez no UFC, em julho de 2020, na Ilha da Luta. Na ocasião, o sueco afirmou que venceria Israel Adesanya e Kamaru Usman na mesma noite. E não parou por aí. Após nocautear Gerald Meerschaert em 17 segundos, no UFC Las Vegas 11, ‘Borz’ manteve a palavra e disse que, se continuar treinando da forma que está, os campeões do peso médio (83,9kg) e meio-médio (77,6kg), respectivamente, não serão páreos para ele.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments