Favorito para enfrentar Volkanovski por cinturão, Brian Ortega elogia campeão: ‘Metódico e técnico’

Depois de vitória dominante sobre ‘Zumbi Coreano’ no UFC Ilha da Luta 6, norte-americano garante que vai estudar australiano para a eventual disputa

B. Ortega em coletiva pelo UFC. Foto: Reprodução/YouTube UFC

Depois de recuperar a condição de desafiante ao cinturão dos penas (até 65,7kg.) ao bater Chan Sung Jung, o ‘Zumbi Coreano’ no UFC Ilha da Luta 6, Brian Ortega, agora, só tem um alvo em mente: Alexander Volkanovski. Em coletiva após o espetáculo, realizado neste sábado (17), em Abu Dhabi, o norte-americano elogiou o campeão e revelou que terá um duro trabalho para decifrar o atual campeão.

Veja Também

VÍDEO: Assista os melhores momentos de Brian Ortega x Zumbi Coreano no UFC Ilha da Luta 6
Em apresentação de gala, Brian Ortega supera ‘Zumbi Coreano’ e se aproxima de luta por cinturão
Jéssica Bate-Estaca salva noite brasileira, vence número um e pede disputa de cinturão
Jéssica Bate-Estaca fatura bônus de ‘Performance da Noite’ após nocaute no UFC Ilha da Luta 6
VÍDEO: Assista o nocaute de Jéssica Bate-Estaca sobre Katlyn Chookagian no UFC Ilha da Luta 6

“Eu vou assistir as lutas dele (Volkanovski), as duas lutas contra o Max (Holloway). Muito metódico, muito técnico, na maneira com que ele organiza tudo. Eu terei que reestudar tudo, não só as lutas contra o Max, mas sua carreira inteira. Depois, vou fazer o que eu faço, que é dar meu melhor”, afirmou Brian.

Campeão da categoria desde dezembro do ano passado, quando desbancou o perigoso Max Holloway, Volkanovski não se apresenta desde julho deste ano, pelo UFC 251, quando deu a revanche ao havaiano. Na ocasião, o australiano voltou a superar o carrasco de José Aldo, defendendo seu título na decisão dividida. Invicto no Ultimate e dono de uma sequência de 19 triunfos consecutivos, Alex, a cada compromisso, impressiona pelo consistência e volume de luta.

Contra Alexander, Ortega terá sua segunda chance de conquistar o título da categoria. Sua primeira tentativa aconteceu em dezembro de 2018, quando acabou superado pelo próprio Holloway. Brian não se subia no octógono desde então.

Perguntado quando estaria disponível para voltar à ativa, o norte-americano afirmou que não decidiria no momento. A intenção do atleta é descansar e, depois, se reunir com a diretoria do UFC.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments