Joe Rogan elogia Jorge Masvidal e admite ser fã do lutador: 'É um monstro!' | SUPER LUTAS

Joe Rogan elogia Jorge Masvidal e admite ser fã do lutador: ‘É um monstro!’

Comentarista do UFC ficou impressionado com o renascimento do lutador, relembrou lances marcantes do mesmo e o considera um atleta diferenciado

J. Rogan, admite ser fã de J. Masvidal e elogia o lutador. Foto: Reprodução/Instagram @joerogan

O ano de 2019 foi especial para Jorge Masvidal. O atleta renasceu para o MMA, venceu lutas aplicando nocautes inesquecíveis e deixou de ser um lutador para virar uma personalidade do esporte, ganhando muita popularidade e, consequentemente, fãs. Joe Rogan, é um deles.

Em seu podcast Joe Rogan Experience MMA Show, o comentarista do UFC fez diversos elogios a Masvidal, relembrou quando a grande fase do experiente lutador começou e, empolgado, chegou a classificar ‘Gamebred’ como um monstro do esporte, pois o considera diferenciado.

Veja Também

“Tudo começou na luta contra Till. Masvidal nocauteou com uma combinação muito bonita. Ele é um monstro! É um lutador difícil para qualquer um lidar. Ele foi capaz de nocautear Till, que era assustador na época. Foi um nocaute impressionante!. Masvidal é um cara divertido. Tudo é divertido nele, seja na luta ou em uma conversa. Sou um grande fã de Masvidal. Ele é um lutador habilidoso e inteligente. É excepcional!”, disse Rogan.

O comentarista foi além e acredita que, caso tivesse realizado um camp completo para enfrentar Kamaru Usman, Masvidal teria chances reais de vencer o campeão do peso meio-médio (77,6kg).

“A joelhada que Masvidal aplicou em Askren foi a cereja do bolo e, depois, a vitória sobre Nate o consolidou. Ele deu uma surra em Nate! Foi uma luta insana! Gostaria de ver uma luta entre Usman e ele com camp completo. Masvidal não teve tempo para se preparar como deveria e, mesmo assim, causou alguns problemas”, finalizou.

Em 2019, Jorge Masvidal realizou três lutas no UFC e venceu todas por nocaute. Suas vítimas foram Darren Till, Ben Askren e Nate Diaz. Embalado, o norte-americano desafiou o campeão do peso meio-médio, Kamaru Usman, em julho de 2020, e foi derrotado na decisão unânime dos juízes.

Podcast #30: Aquecimento para o UFC 266 com duas disputas de cinturão e migué de Romero no Bellator

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments