Amanda Nunes confirma defesa de cinturão contra Megan Anderson para março

Brasileira e australiana se enfrentariam em dezembro, na disputa pelo cinturão do peso pena feminino; agora, o confronto encabeça o UFC 259

A. Nunes (esq.) e M. Anderson se enfrentam no UFC 259, em março. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Depois de ter sua segunda defesa do título no peso pena (até 65,7kg.) adiada, Amanda Nunes está próxima de ter sua próxima luta confirmada. A brasileira, que enfrentaria Megan Anderson em 12 de dezembro, terá seu confronto reagendado para o UFC 256, em 6 de março, sem local anunciado. A informação foi confirmada pela campeã, em suas redes sociais.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Nova data. A leoa ‘tá on”, escreveu a baiana.

Amanda não se apresenta desde julho deste ano, quando defendeu seu trono no peso pena pela primeira vez. Na ocasião, a atleta superou a ex-campeã do Invicta FC, Felicia Spencer, com facilidade em um confronto de cinco rounds.

PUBLICIDADE:

Megan lutou pela última vez em fevereiro deste ano, quando o público ainda estava autorizado a comparecer nos eventos. O compromisso foi contra a brasileira Norma Dumont, que acabou derrotada por nocaute no primeiro round.

Além de tentar manter sua hegemonia na divisão até 65,7kg., Nunes defende uma série invicta de 11 confrontos. A baiana, que também ostenta o cinturão no peso galo (até 61,2kg.) não perde desde setembro de 2014, quando foi superada por Cat Zingano.

PUBLICIDADE:

Anderson atua pelo Ultimate desde junho de 2018. Antes de figurar no UFC, a australiana atuava pelo Invicta FC e chegou a conquistar o cinturão do peso pena, longo antes de se transferir para a organização presidida por Dana White.

PUBLICIDADE:

Podcast #45: Volkanovksi sem desafiante e brasileiros no 1º UFC do ano



Comentários

Deixe um comentário