Após novas derrotas, Ultimate demite brasileiros Antônio Cara de Sapato e Markus Maluko | SUPER LUTAS

Após novas derrotas, Ultimate demite brasileiros Antônio Cara de Sapato e Markus Maluko

Empresa opta por romper o contrato dos lutadores após três reveses seguidos

A. Cara de Sapato e M.Maluko foram demitidos do Ultimate. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Os brasileiros Antônio Cara de Sapato e Markus Maluco não fazem mais parte do elenco de lutadores do Ultimate. Com três derrotas seguidas em suas últimas apresentações, eles foram desligados da companhia. A informação foi divulgada pelo ‘MMA Fighting’.

Veja Também

O peso médio (até 83,9kg.) Antônio Cara de Sapato começou sua trajetória no Ultimate após vencer Vitor Miranda e conquistar o ‘The Ultimate Fighter Brasil 3’. O brasileiro ainda emplacou uma sequência de cinco vitórias, incluindo nomes como Marvin Verroti e Tim Boetsch. Inclusive, na ocasião, ele já chegou a figurar no Top-15 da divisão dos médios. Porém, em 2019, interrompeu sua série ao perder para Ian Heinisch e Uriah Hall.

Aos 30 anos, o brasileiro conta com um cartel de 10 vitórias, cinco derrotas e um empate na carreira. Em luta ocorrida no UFC 257, realizado no dia 23 de janeiro, o paraibano não conseguiu impor sua estratégia e parou nas defesas de queda do norte-americano Brad Tavares. Ao fim de três rounds, ele acabou derrotado na decisão unânime dos juízes.

Já Markus Maluko, também com 30 anos, estreou no Ultimate em 2017, na derrota contra Eryk Anders. Ao todo, foram sete lutas, sendo dois resultados positivos e cinco negativos. O lutador havia pedido demissão para o Ultimate após sofrer um revés diante de Dalcha Lungiambula, no UFC Ilha da Luta 8.

“Ei, UFC. Me mande para longe. Preciso recomeçar do zero. Se eu sou um verdadeiro campeão, vou provar!”, publicou o brasileiro em sua conta no ‘Instagram’.

OUTROS DEMITIDOS…

Além dos dois lutadores, Vinícius Mamute e Vanessa Melo também foram demitidos. A lista ainda inclui Anthony Ivy, Carlton Minus, Cole Williams, Jacob Kilburn, Peter Barrett, Rhys McKee, Sarah Moras e Spike Carlyle.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments