Com vídeo descontraído, Jones mostra otimismo para acerto com Dana White | SUPER LUTAS

Com vídeo descontraído, Jones mostra otimismo para acerto com Dana White

Em ‘guerra’ com o UFC, norte-americano negocia um confronto contra Francis Ngannou, que marcará sua estreia nos pesados

J. Jones (foto) negocia para estrar nos pesados ainda em 2021. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

Em pé de guerra com o UFC, Jon Jones resolveu colocar uma pausa nas diferenças com um momento de descontração. Em um vídeo publicado em sua conta no ‘Twitter’, o lutador sinalizou um futuro acordo com o presidente da empresa, Dana White, com quem discutiu virtualmente nos últimos dias. O atleta pede maior valorização financeira por parte da empresa.

Veja Também

“Dana White e eu depois que firmarmos o acordo”, escreveu ‘Bones’.

No vídeo divulgado (veja abaixo), dois homens aparecem se abraçando. Assim, Jones dá a entender que, de fato, ele e o UFC podem chegar a um denominador comum para, enfim, oficializarem a estreia do lutador nos pesados (até 120,2kg.).

A confusão entre a lenda dos meio-pesados (até 93kg.) e o Ultimate começou depois que Dana provocou o norte-americano, sugerindo que o atleta deveria temer um confronto contra Francis Ngannou. Na ocasião, o franco-camaronês havia acabado de atropelar Stipe Miocic e conquistar o cinturão dos pesados.

Acompanhando a coletiva de imprensa após o show realizado no fim de março, Jones não gostou nada da declaração de White e passou a descarregar sua revolta nas redes sociais. O lutador chegou, inclusive, a pedir dispensa da companhia, mas se arrependeu momentos depois.

Há alguns meses, Dana chegou a tornar público que ‘Bones‘ estrearia na divisão na disputa pelo cinturão. Após o massacre promovido por Ngannou, no entanto, o patrão mudou o discurso, chegando a considerar Derrick Lewis como primeiro desafiante do novo campeão.

Considerado por muitos como o melhor representante do MMA de todos os tempos, Jon não se apresenta desde fevereiro de 2020. Em seu último compromisso, o norte-americano bateu Dominick Reyes naquela que marcou sua última defesa de título na divisão. Meses depois, o combatente abandonou o título e iniciou sua preparação para atuar no grupo de cima.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments