Após nocaute de Adriano Moraes, Pitbull defende os atletas que estão fora do UFC | SUPER LUTAS

Após nocaute de Adriano Moraes, Pitbull defende os atletas que estão fora do UFC

Após a vitória do brasileiro sobre o ex- UFC Demetrious Jhonson, o campeão do Bellator lembrou que também existem bons lutadores fora do Ultimate

Patrício Pitbull defendeu o cinturão dos penas no Bellator 255. Foto: Divulgação / Bellator

O nocaute de Adriano Moraes sobre Demetrious Jhonson pelo ONE Championship, na última quarta (7), chocou o mundo do MMA e mostrou, mais uma vez, que existem bons lutadores fora do UFC. Em defesa da classe, o brasileiro Patrício Pitbull foi em seu ‘Twitter‘ após o combate, e defendeu os grandes atletas de MMA,  que não estão na organização presidida por Dana White.

Veja Também

“O MMA continua nos mostrando que existem grandes lutadores em todos os lugares. Não é sobre qual organização você está lutando, é sobre o conjunto de habilidades e qualidade você tem”, escreveu o lutador do Bellator.

Vale lembrar que, recentemente, Pitbull desafiou o campeão dos penas (até 65,7kg) do Ultimate, Alexander Volkanovski. O potiguar desdenhou da capacidade do australiano e afirmou que seria ‘um massacre’ caso o confronto entre os dois realmente acontecesse.

Campeão dos penas (até 65,7kg) e dos leves (até 70,3kg) do Bellator,  Patrício Pitbull é considerado um dos maiores atletas de MMA que atuam fora do UFC. Com um cartel de 31 vitórias e quatro derrotas, o brasileiro é o número um do ranking peso por peso da organização presidida por Scott Coker.

Com um cartel de 19 vitórias e três derrotas, Adriano Moraes é lutador do ONE desde 2013. Atual campeão dos moscas (até 61,2 kg), o brasileiro venceu seis dos seus últimos sete combates. Sua última derrota foi em junho de 2018, para Geje Eustáquio, por pontos.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments