Após vitória, Whittaker admite rejeitar qualquer desafio que não seja a disputa de título | SUPER LUTAS

Após vitória, Whittaker admite rejeitar qualquer desafio que não seja a disputa de título

Depois de uma grande apresentação no UFC Las Vegas 24, australiano revela que apenas a revanche contra Adesanya faz sentido, no momento

R. Whittaker em coletiva pelo UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Depois de uma atuação de gala diante de Kelvin Gastelum no UFC Las Vegas 24, apenas o cinturão interessa a Robert Whittaker. Vitorioso na luta principal deste fim de semana, o australiano reforçou o desejo de promover a revanche contra Israel Adesanya e admitiu rejeitar qualquer outro desafio. A fala foi dada em coletiva após o show.

Veja Também

“Não há luta que faça sentido para mim, a não ser a disputa de cinturão. É a oportunidade que eu quero e vou ganhar. Vou para casa, cuidar das minhas lesões, porque foi um combate duro (contra Gastelum)”, afirmou o lutador.

Campeão dos médios (até 83,9kg.) entre 2017 e 2019, Robert já tem uma previsão sobre quando gostaria de dividir o octógono com Adesanya. Derrotado pelo nigeriano no UFC 243, o australiano segue focado em recuperar o trono do grupo.

“Acho que poderíamos fazer em setembro”, finalizou.

O triunfo sobre Kelvin confirmou a grande fase do ex-campeão dos médios. Com o resultado, Robert chegou ao seu terceiro resultado positivo em sequência. A última derrota de Whittaker aconteceu justamente no encontro com Adesanya, que lhe custou o cinturão da categoria.

A queda do ‘Império Pitbull’ no Bellator e a prévia para o UFC 265

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments