Bate-Estaca ignora Amanda Nunes e afirma que Shevchenko é a melhor atleta peso por peso do UFC | SUPER LUTAS

Bate-Estaca ignora Amanda Nunes e afirma que Shevchenko é a melhor atleta peso por peso do UFC

Desafiante de Valentina no UFC 261 elogiou a sua adversária e explicou por que a considera a melhor lutadora da organização

J. Bate-Estaca (dir.) tenta tomar o cinturão de V. Shevchenko (esq.) no UFC 261. Foto: Reprodução/Instagram

Desafiante de Valentina Shevchenko no UFC 261 do próximo sábado (24), Jéssica Andrade, a ‘Bate-Estaca’, rasgou elogios para sua adversária. A brasileira ignorou a sua compatriota Amanda Nunes, dona de dois cinturões, e afirmou que a atual campeã dos moscas (até 56,7kg) é a melhor atleta peso por peso da organização. A declaração foi dada em entrevista ao ‘MMA Fighting‘.

Veja Também

“Mesmo que Amanda tenha dois cinturões, Valentina luta o tempo todo, sempre faz grandes combates e mantém o mesmo ritmo do início ao fim. Nunes não luta com essa frequência. Ela é campeã de duas categorias mas não é tão ativa então acho que a ‘Bullet’ tem mais experiência no octógono. Na minha opinião, Shevchenko é a melhor lutadora peso por peso do UFC”, justificou Bate Estaca.

A brasileira declarou que sempre quis enfrentar a líder dos moscas e afirmou que discordou do resultado do duelo entre Shevchenko e Amanda que ocorreu no UFC 215 em setembro de 2017. Na ocasião, a Leoa saiu vencedora por decisão dividida.

“Eu sempre quis lutar com ela porque eu sempre quero encarar as melhores lutadoras. Já enfrentei muitas atletas boas mas acho que Valentina está um nível acima de qualquer outra. Na verdade, no combate dela com a Amanda [Nunes], eu sou uma daquelas pessoas que acham que os juízes poderiam ter dado a vitória para a Shevchenko porque ela foi melhor”, declarou Jéssica.

Ex-campeã dos palhas (até 52,1kg), Jéssica Andrade busca conquistar o seu segundo cinturão do UFC. Após duas derrotas seguidas na divisão em que já liderou, a brasileira decidiu mudar de ares e subir para a divisão dos moscas. A atleta paranaense estreou na nova divisão em outubro de 2020 com vitória sobre Katlyn Chookagian.

Atual campeã dos moscas, Valentina Shevchenko busca continuar o seu reinado na divisão. Após conquistar o cinturão em dezembro de 2018 sobre Joanna Jedrzejczyk, a ‘Bullet‘ já defendeu o seu título com sucesso em outras quatro oportunidades. A combatente possui um cartel de 20 vitórias e três derrotas.

Podcast SUPER LUTAS: Qual o futuro de McGregor após o UFC 264?

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments