VÍDEO: Renan Problema revela como deseja vencer Fabrício Werdum e se diz pronto para estreia na PFL

Em entrevista exclusiva ao canal do SUPER LUTAS, brasileiro fala sobre sua expectativa para o combate e projeta futuro na organização


Às vésperas da luta mais importante na carreira, Renan Problema está animado com suas possibilidades no confronto contra Fabrício Werdum. O peso pesado, que estreia na PFL (Professional League Fighters) nesta quinta-feira (6), revela felicidade com o acerto para enfrentar ‘Vai Cavalo’ e indica que está pronto para o duelo.

Veja Também

Profissional desde 2013, Renan destaca que o duelo é o mais importante de sua carreira e faz questão de elogiar o compatriota. Em entrevista exclusiva ao canal do SUPER LUTAS, o brasileiro aposta que sua envergadura será o diferencial para vencer o ‘Vai Cavalo’.

“É a luta mais importante (da minha carreira). Sei que muitas outras lutas duras virão, mas essa é a mais importante. (…) a luta é uma loteria. 50 a 50. Então, me preparei bem em todas as áreas. O Werdum é um cara de muita qualidade no chão e tem uma trocação muito boa. Mas eu sei que a minha envergadura é muito grande, minha trocação muito boa, e eu aposto nisso. Mas me preparei bem para todas as áreas”, afirmou Renan Problema.

Vindo de vitória diante de Jared Vanderaa em agosto de 2019, o atleta tupiniquim ressalta que tem se preparado para a oportunidade e reconhece as qualidades de Fabrício Werdum. Segundo ele, o compatriota é versátil e segue em alto nível na carreira.

“Para mim foi como uma benção chegar logo um adversário tão duro, com tantas qualidades e pontos positivos. Se Deus colocou no meu caminho, é porque ele tem um projeto para mim. E me preparei muito bem para isso. Em todas as áreas, sei que ele tem grandes qualidades no chão e trocação. É um cara muito versátil, que está sempre mudando de nível na luta e estou muito feliz com essa oportunidade”, continuou o lutador.

PRONTO PARA A OPORTUNIDADE

Apesar de destacar que está animado com a estreia ser justamente contra um dos maiores pesados da história, Renan Problema revelou que se preparava para qualquer outro atleta do torneio. Com isso, ao descobrir que enfrentaria Fabrício Werdum, ele precisou apenas fazer alguns ajustes em seu jogo.

“Quando eles (PFL) soltaram que o Werdum estava na chave do torneio também, eu já vinha me preparando para qualquer um deles. E já tinha isso de estar entre os melhores, me dedicar ao máximo e brigar em alto nível contra esses caras. Então, quando saiu (o nome do) Werdum, eu já estava preparado para isso e só mudei o que precisava ajustar para a estratégia de luta e continuei o trabalho”, disse.

VISIBILIDADE DO ‘CANAL COMBATE’

No final de março, o ‘Canal Combate’, que pertence ao ‘Grupo Globo’, anunciou uma parceria com a liga norte-americana para transmissão dos eventos ao vivo. Agora, Renan Problema reforça que a visibilidade aos lutadores também vai aumentar.

“Foi uma grande alegria quando o pessoal falou que (o duelo) vai ser transmitido pelo Combate. Hoje, é uma das portas mais vistas. Estou muito feliz e vai dar um ‘up’ muito grande na carreira de todos nós que estamos aqui na PFL e estar fazendo a luta principal com um grande atleta como ele e transmitido pelo Canal Combate, não poderia ser melhor”, destacou.

BOM RELACIONAMENTO COM A PFL

Em ascensão no mundo do MMA, a PFL se destaca por seu bom relacionamento entre dirigentes e atletas, além de promover o ‘cheque’ de um milhão de dólares (cerca de R$ 5,7 milhões) para o vencedor de cada temporada. De acordo com Renan Problema, inclusive, o bom tratamento que a organização oferece é um grande diferencial para seu crescimento.

“Hoje, estou muito feliz com a PFL. O tratamento que eles têm dado para cada atleta é muito bom. A gente está em uma estrutura muito boa, com academia e tatame. Eu vejo que estou em uma organização de alto nível e não me preocupo com o que vai acontecer. Vamos ver o que tem em nosso futuro, mas sei que vem coisa boa”, finalizou.

HISTÓRICO DO ATLETA

Aos 31 anos, Renan Problema possui seis vitórias e duas derrotas em sua carreira nas artes marciais mistas, onde estreou em 2013. O brasileiro, que estava no LFA, venceu Jared Vanderaa em sua última apresentação, que ocorreu eu agosto de 2019.

Podcast #033: As vitórias de Marina Rodriguez no UFC e Tyson Fury no Boxe + ex-campeão preso

Comentários

Deixe um comentário