Animado após nocautear no UFC 262, Edson Barboza diz que vive melhor momento de sua carreira | SUPER LUTAS

Animado após nocautear no UFC 262, Edson Barboza diz que vive melhor momento de sua carreira

Brasileiro também relembra as sensações do momento do nocaute diante de Shane Burgos no UFC 262

E. Barboza venceu S. Burgos no UFC 262. Foto: Reprodução/Instagram

Edson Barboza está animado depois da vitória sobre Shane Burgos, no UFC 262 do último sábado (15). O brasileiro nocauteou de forma incomum, conquistou o prêmio de ‘Luta da Noite’ e, agora, considera que está no auge de sua carreira. Ele ainda destaca que se sente ainda mais forte e rápido na categoria dos penas (até 65,7kg.).

Veja Também

“Estou me sentindo melhor do que nunca e melhorando a cada dia Quando cheguei aos 30 anos, achei que estava terminando minha carreira, mas é o oposto. Sinto que estou mais saudável hoje do que nos últimos anos. Eu treino de forma certa e respeito as limitações do meu corpo. Me sinto mais forte e rápido e quero sempre enfrentar os melhores. Realmente acredito que mereço um duelo contra um dos cinco melhores dos penas”, disse Barboza em entrevista coletiva pós-UFC 262.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na luta, o brasileiro investiu nos chutes baixos que chegaram a ferir Burgos, além de também trabalhar em seu boxe. Em um dos socos desferidos, o norte-americano sentiu com certo atraso e caiu cerca de seis segundos depois. Posteriormente, Barboza relatou sua sensação ao notar que seu adversário teria acusado o golpe.

“Eu não entendi tão bem o nocaute. Sabia que havia conectado bons golpes e percebi que ele estava estranho. Então, ele caiu e eu parti para cima para acabar com o combate. Preciso ver de novo, porque não sei o que houve. Ele não se lembra do que aconteceu e nem eu. Foi engraçado”, concluiu o lutador.

Aos 35, Edson Barboza ocupa a 13ª colocação e deve assumir o nono lugar, que pertence a Shane Burgos. Atualmente, o brasileiro conta com um cartel de 22 vitórias e nove derrotas na carreira.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments