Do Bronx elogia Khabib e não acredita em retorno do russo ao MMA: 'Seria burrice voltar' | SUPER LUTAS

AO VIVO

Assista o UFC 263 com Deiveson e Adesanya defendendo seus cinturões

Do Bronx elogia Khabib e não acredita em retorno do russo ao MMA: ‘Seria burrice voltar’

Novo campeão dos leves, brasileiro exalta trajetória do antigo líder do grupo, mas é cético quanto ao possível fim da aposentadoria

C. Do Bronx assumiu o topo dos leves após o UFC 262. Foto: Reprodução/Facebook @ufc

Campeão inquestionável dos leves (até 70,3kg.), Charles do Bronx não deixa a humildade de lado quando o assunto é Khabib Nurmagomedov. Depois de assumir o posto deixado pela lenda russa no UFC 262, o brasileiro fez questão de exaltar a trajetória perfeita do atleta no MMA. Em entrevista exclusiva ao SUPER LUTAS, o paulista, no entanto, se mostrou cético quanto a um possível retorno do antigo líder da divisão.

Veja Também

“Acho que seria a maior burrice ele voltar. O cara se aposentou invicto, número um peso por peso. Com a história que ele fez, dono de evento, empresário de outros caras. Seria burrice voltar. A gente só tem que ter gratidão e respeito por ele. (…) Agora, começou uma ‘nova era Charles Oliveira”, afirmou o brasileiro.

Mesmo duvidando de um retorno de Khabib, que deixou o MMA em outubro de 2020, após finalizar Justin Gaethje e unificar o título dos leves, Do Bronx não nega que gostaria de um embate contra a lenda. Segundo o brasileiro, a superluta agradaria os entusiastas do esporte.

“De verdade, todo mundo gostaria de ver essa luta. Eu gostaria de ver. Todo mundo que é fã de luta. Tenho o maior respeito pela história dele. São 29-0, não é à toa. O cara tem que ser muito bom para acontecer isso. (…) Respeito o jeito que ele se aposentou, por causa do pai”, finalizou.

Líder da divisão entre 2018 e 2020, Khabib teve a aposentadoria confirmada meses após a morte do pai, Abdulmanap Nurmagomedov. A perda do principal treinador, incentivador e mentor foi determinante para a decisão do russo, que pendurou as luvas aos 32 anos.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments