Rockhold revela sido rejeitado por Chimaev para luta em agosto: 'Achei que lutasse contra qualquer um' | SUPER LUTAS

Rockhold revela sido rejeitado por Chimaev para luta em agosto: ‘Achei que lutasse contra qualquer um’

Ex-campeão dos médios admite ter buscado luta contra aposta do Ultimate, mas combatente optou por ficar no grupo até 77kg

L. Rockhold não luta desde 2019, quando foi batido por J. Blachowicz. Foto: Reprodução/Instagram

Disposto a retomar a carreira após quase dois anos de inatividade, Luke Rockhold segue com dificuldades para encontrar um adversário. Segundo o repórter Ariel Helwani, o ex-campeão dos médios (até 83,9kg.) tentou confirmar um confronto contra o novo pupilo do UFC, Khamzat Chimaev, mas acabou rejeitado pelo sueco. Para o jornalista, o norte-americano desabafou sobre o insucesso nas negociações.

Veja Também

“Com todo respeito, eu achei que ele lutaria contra qualquer um”, disse Luke.

Segundo Ariel, Luke afirmou que o motivo da recusa se deu pela categoria de peso. Disposto a figurar na elite dos meio-médios, o sueco não mostrou interesse em se testar na categoria até 83,9kg.

Campeão dos médios entre 2015 e 2016, Rockhold não se apresenta desde a tentativa frustrada de se testar nos meio-pesados (até 93kg.). Em julho de 2019, o norte-americano subiu de categoria e topou enfrentar Jan Blachowicz, mas acabou duramente batido com um nocaute no segundo round.

A investida em Chimaev poderia marcar o retorno do sueco ao octógono após problemas com sequelas da Covid-19. O sueco, que chegou ao Ultimate com fama de não rejeitar confrontos, chegou a fazer – e vencer – três lutas em um intervalo de menos de três meses.

A aposta sobre Khamzat foi tamanha que o UFC decidiu dar ao atleta uma chance de enfrentar Leon Edwards em um confronto que poderia alçá-lo a uma disputa de cinturão nos meio-médios. O sueco, no entanto, acabou contraindo o coronavírus, em dezembro, e, desde então, não se apresentou profissionalmente.

Profissional no MMA desde 2007, Rockhold soma 21 lutas no esporte. O atleta de 36 anos, hoje, soma 16 vitórias e cinco derrotas.

Considerado um ‘fenômeno’ pelo presidente do Ultimate, Dana White, Khamzat está invicto nas artes marciais mistas. O atleta de 26 anos tem nove triunfos em sequência.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments