Com nocautes brutais, Larissa Pacheco e Bruno Cappelozza vencem no card preliminar da PFL 6 | SUPER LUTAS

Com nocautes brutais, Larissa Pacheco e Bruno Cappelozza vencem no card preliminar da PFL 6

No encerramento do card preliminar, brasileiros 'dão show' e batem Olena Kolesnyk e Muhammed Dereese

L. Pacheco derrotou O. Kolesnyk no primeiro round. Foto: Reprodução/Instagram

Dois brasileiros fecharam o card preliminar da PFL 6, na noite desta sexta-feira (25), em Atlantic City (EUA), e o aproveitamento foi de 100%. A peso leve (até 70,3kg.) Larissa Pacheco nocauteou Olena Kolesnyk, enquanto o peso pesado (até 120,2kg.) Bruno Cappelozza também derrotou, da mesma forma, Muhammed Dereese. Eles estão garantidos nos playoffs do torneio.

Veja Também

Representante nos leves femininos (até 70,3kg.), Larissa Pacheco fez bonito. Apesar de já entrar classificada aos playoffs, a brasileira apostou na trocação franca e venceu Olena Kolesnyk com um nocaute brutal no primeiro round. Com isso, ela somou mais seis pontos e confirmou a primeira posição na tabela.

Aos 26 anos, Pacheco conseguiu dois nocautes no primeiro round em seguida e já está confirmada na semifinal do torneio, que premia em US$ 1 milhão (cerca de R$ 5 milhões) para a campeã da divisão. O triunfo foi o 15 de sua carreira. Ela também tem quatro derrotas.

Kolesnyk, por outro lado, vive seu pior momento na carreira. A ucraniana não vence desde 2017 e passa pelo ‘sabor amargo’ de sua quarta derrota em série – sendo seu primeiro nocaute. Em sua carreira, são cinco resultados positivos, quatro negativos e uma luta sem resultado.

A LUTA

O primeiro round começou com uma trocação franca entre as lutadoras. Helena Kolesnyk foi a primeira a conectar e chegou a desequilibrar Larissa Pacheco com golpes cruzados na curta distância. Com certo prejuízo em pé, a brasileira tentou a pegada no clinch, mas pouco conseguiu ser efetiva. Porém, ela se desvencilhou e, de forma brutal contragolpeou com um direto que explodiu no rosto da ucraniana, que caiu nocauteada.

Após o nocaute, Pacheco afirmou estar feliz por poder nocautear e mostrar evolução no jiu-jitsu, além de revelar desejo de encontrar, pela terceira vez, com Kayla Harrison em uma possível final da temporada dos leves (até 70,3kg.).

“Como eu já vim trabalhando muito tempo no chão, acho que já estava na hora de provar que posso muito mais do que vencer apenas no jiu-jitsu. (…), além de tirar o cinturão da campeã (Kayla Harrison), eu estarei me tornando a maior lutadora da organização”, afirmou a brasileira.

Bruno Cappelozza ‘dá show’ e consegue outro nocaute brutal

B. Cappelozza consegue outro nocaute brutal. Foto: Reprodução/Twitter

Se Larissa Pacheco já havia feito bonito, Bruno Cappelozza repetiu a dose. Representante dos pesados (até 120,2kg.), o lutador brasileiro foi superior a Muhammad DeReese e ‘carimbou o passaporte’ para as semifinais do torneio. Ele, agora, encara Jamelle Jones na próxima etapa.

Muhammad DeReese tentou a queda, mas seguiu a resposta de Bruno Cappelozza. Junto à grade, o brasileiro cravou no chão, mas deixou seu oponente se levantar. Cappelozza aplicou outro cruzado que fez norte-americano sentir. Ele seguiu ‘martelando’ e ainda teve tempo de acertar outro chute no rosto, além de ver rival cair no octógono.

Cappelozza está garantido nas semifinais dos pesados (até 120,2kg.). Com dois nocautes brutais, ele somou 12 pontos e aguarda para conhecer seu próximo adversário. Em sua carreira, são 13 vitórias – todas por nocaute – e cinco derrotas.

Já Muhammed DeReese sai do torneio sem vencer um combate. Profissional desde 2014, ele tem um cartel de oito resultados positivos e cinco negativos.

Resultados da PFL #6

CARD PRINCIPAL

Peso leve (até 70,3kg.): Kayla Harrison finalizou Cindy Dandois com uma chave de braço a 4m44s do R1

Peso leve (até 70,3kg.): Raush Manfio derrotou Anthony Pettis na dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso pena (até 65,7kg.): Movlid Khaybulaev derrotou Lance Palmer na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso pesado (até 120,2kg.): Denis Goltsov derrotou Brandon Sayles por nocaute técnico a 1m24s do R3

CARD PRELIMINAR

Peso pesado (até 120,2kg.): Bruno Cappelozza derrotou Muhammed DeReese por nocaute a 2m21s do R1

Peso leve (até 70,3kg.): Larissa Pacheco derrotou Olena Kolesnyk por nocaute a 4m48s do R1

Peso pesado (até 120,2kg.): Ante Delija derrotou Chandler Cole por nocaute técniao a 4m39s do R1

Peso leve (até 70,3kg.): Genah Fabian derrotou Julija Pajic por nocaute técnico a 4m16s do R2

Peso pesado (até 120,2kg.): Renan Problema derrotou Carl Seumanutafa na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-26)

Peso leve (até 70,3kg.): Taylor Guardado derrotou Laura Sanchez na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso leve (até 70,3kg.): Mariana Morais derrotou Kaitlin Young na decisão dividida dos juízes (30-27, 28-29, 29-28)

Peso pesado (até 120,2kg.): Jamelle Jones derrotou Klidson Abreu por nocaute técnico a 1m43s do R1

Escute o Podcast SUPER LUTAS #22 com a partipação do árbitro Flávio Almendra

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments