Mesmo derrotado, Raoni Barcelos fatura 'Luta da Noite' e recebe mais de R$240 mil em bônus do UFC Las Vegas 30 | SUPER LUTAS

Mesmo derrotado, Raoni Barcelos fatura ‘Luta da Noite’ e recebe mais de R$240 mil em bônus do UFC Las Vegas 30

Após perder invencibilidade no Ultimate, brasileiro ganha ‘prêmio de consolação’ por grande batalha contra Timur Valiev

T. Valiev (esq.) derrotou R. Barcelos (dir.) na decisão majoritária dos juízes. Foto: Reprodução/Instagram

Promessa brasileira no peso galo (até 61,2kg.), Raoni Barcelos não teve o resultado esperado contra Timur Valiev, mas recebeu um ótimo ‘prêmio de consolação’ após o UFC Las Vegas 30, realizado neste sábado (26). Derrotado na decisão majoritária dos juízes, o carioca, junto ao rival, levou o bônus de ‘Luta da Noite’, conquistando US$50 mil (cerca de R$246 mil). Destaques no card, Marcin Prachnio e Kennedy Nzechukwu garantiram o mesmo valor por suas performances. A informação foi divulgada pela assessoria do Ultimate.

Veja Também

Em uma das lutas mais movimentadas do evento, Raoni e Valiev deixaram tudo no octógono. Sonhando com o top 15 dos galos, os atletas travaram uma batalha de 15 minutos e, após uma peleja equilibrada, o russo foi declarado vencedor por dois dos três juízes. O revés de Barcelos colocou fim à invencibilidade do carioca na organização. Ainda assim, atuação do tupiniquim junto ao rival foi suficiente para agradar à diretoria.

Responsável por interromper a boa fase de Danilo Marques no UFC, Kennedy Nzechukwu tem motivos de sobra para sorrir após o espetáculo. Além bater uma promessa dos meio-pesados (até 93kg.), o atleta mostrou grande capacidade de recuperação após reverter uma superioridade do paulista no início, e sacramentar o triunfo com um nocaute no último round.

O nocaute imponente de Marcin Pranchnio sobre Ike Villanueva ficará marcado na carreira do lutador. Diante do veterano norte-americano, o polonês fez valer a força de nocaute e liquidou a fatura contra o rival após um chute certeiro na linha de cintura do oponente, que o obrigou a interrupção imediata do árbitro, Herb Dean.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments