Promessa russa surpreende e tira invencibilidade de Raoni Barcelos no Ultimate | SUPER LUTAS

Promessa russa surpreende e tira invencibilidade de Raoni Barcelos no Ultimate

Adversário do brasileiro, Timur Vailev faz luta dura e supera tupiniquim na decisão majoritária dos juízes no UFC Las Vegas 30

R. Barcelos lamenta primeira derrota sofrida no UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Uma das grandes apostas brasileiras no peso galo (até 61,2kg.), Raoni Barcelos acabou conhecendo sua primeira derrota no Ultimate neste sábado (26). Em uma das principais lutas do UFC Las Vegas 30, o tupiniquim travou um confronto equilibrado contra Timur Valiev, chegou próximo do nocaute, mas não foi suficiente para  dois profissionais da equipe avaliadora. Ao fim de três rounds, o russo foi declarado vencedor na decisão majoritária dos juízes, sendo que um deles marcou empate.

Veja Também

Promessa tupiniquim, Barcelos chegou ao octógono para defender uma série invicta de nove lutas (cinco no UFC), além de se aproximar do top 15 da categoria, hoje, liderada por Aljamain Sterling. O brasileiro, no entanto, teve dificuldades na primeira etapa, com um adversário seguro nas investidas. No segundo round, porém, Raoni esteve próximo de vencer por nocaute, mas o rival acabou salvo pelo gongo. O último round, marcado pelo equilíbrio, foi determinante para o desfecho.

Com o revés, o brasileiro teve adiado o sonho de encostar no top 15 dos galos. O carioca não perdia um desafio desde abril de 2014.

Destaque russo, Valiev manteve sua invencibilidade no UFC. Na empresa desde agosto de 2020, o atleta chegou à segunda vitória e também tem um ‘no contest’.

A luta

O confronto começou com o russo arriscando um chute alto, que passou no vazio. Raoni permanecia cercando o adversário, buscando encontrar a distância para golpear. O primeiro ataque do brasileiro foi um chute baixo, respondido com um jab do russo. O duelo seguiu movimentado, com os atletas trocando investidas no centro do octógono. O russo continuava arriscando combinações, mas o brasileiro se mostrava atento nos bloqueios. O carioca apostava no contragolpe. Sempre que Valiev golpeava, o tupiniquim respondia. Nos segundos finais, Timur buscou as pernas de Barcelos e tentou uma queda. Contra as grades, o tupiniquim se defendeu bem e conseguiu se afastar, mas não havia mais tempo.

Na segunda etapa, Raoni tomou a iniciativa com um chute baixo. Mais agressivo, o carioca caminhava para frente e buscava enquadrar o adversário. Mesmo caminhando para trás, o russo seguia perigoso nos socos e chutes. Valiev tentou apostar na luta agarrada, mas Barcelos se defendia bem. Na metade do round, Raoni encurtou a distância e atingiu o russo com cruzados. Pressionado, o russo se protegia e afastava o carioca com jabs. Próximo ao minuto final, o brasileiro respondeu um direto com um cruzado limpo no queixo do russo, que desabou. Barcelos partiu para cima, seguiu golpeando. Valiev se levantou, mas acabou derrubado por um upper. Por baixo, Timur se agarrou ao carioca até que o cronômetro zerou.

O último round marcou um possível desempate entre os galos. Assim como nos assaltos anteriores, os atletas mostravam muito vigor físico e trocavam golpes no centro do octógono. Barcelos seguia tocando o rosto do russo com jabs e diretos, enquanto Valiev tentava responder na mesma moeda. Quase na metade da etapa, um direto limpo de Timur entrou no rosto do carioca, mas o tupiniquim sequer balançou. Raoni continuava caminhando para frente e tentava enquadrar o oponente próximo às grades. Restando cerca de dois minutos, Valiev voltou a tentar uma queda sobre o carioca, mas o brasileiro continuava seguro nas defesas. No minuto final, os lutadores foram para o tudo ou nada. Timur agrediu o brasileiro com uma cotovelada no rosto e Raoni respondeu com um direto. Barcelos arriscou uma combinação de socos, mas os ataques entraram sem potência. O confronto acabou com os atletas se estudando próximos às grades.

Boser atropela St. Preux e volta a vencer no UFC

T. Boser em vitória pelo UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Vivendo um momento complicado no Ultimate, Tanner Boser encontrou a recuperação na carreira na luta co-principal do UFC Las Vegas 30. Em confronto pelos pesados (até 120,2kg.), o canadense teve uma atuação segura e controlou as ações diante do veterano Ovince St. Preux. Após dominar o primeiro round, Boser conquistou a vitória com um duro nocaute na segunda etapa.

Com o resultado, Boser encerra uma série de dois resultados negativos. Antes de bater Ovince, Tanner vinha de reveses para Andrei Arlovski e Ilir Latifi.

Antigo desafiante ao cinturão dos meio-pesados (até 93kg.) do Ultimate (2016), St. Preux segue sem se encontrar na categoria até 120,2kg. A dura derrota para o canadense marcou a terceira derrota do veterano em quatro apresentações no grupo.

Resultados do UFC Las Vegas 30

CARD PRINCIPAL 

Peso pesado (até 120,2kg.): Ciryl Gane derrotou Alexander Volkov na decisão unânime dos juízes (50-45, 49-46, 50-45)

Peso pesado (até 120,2kg.): Tanner Boser derrotou Ovince St. Preux por nocaute a 2m31s do R2

Peso galo (até 61,2kg.): Timur Valiev derrotou Raoni Barcelos na decisão majoritária dos juízes (28-28, 29-28, 29-28)

Peso pena (até 65,7kg.): Andre Fili x Daniel Pineda terminou Sem Resultado (No Contest) a 46s do R2

Peso meio-médio (até 77kg.): Tim Means derrotou Nicolas Dalby na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso leve (até 70,3kg.): Renato Moicano finalizou Jai Herbert com um mata-leão a 4m34s do R2

CARD PRELIMINAR

Peso meio-pesado (até 93kg.): Kennedy Nzechukwu derrotou Danilo Marques por nocaute técnico a 20seg. do R3

Peso meio-médio (até 77kg.): Shavkat Rakhmonov finalizou Michel Trator com um mata-leão a 2m10s do R2

Peso meio-médio (até 77kg.): Jeremiah Wells derrotou Warlley Alves por nocaute a 30seg. do R2

Peso meio-pesado (até 93kg.): Marcin Prachnio derrotou Ike Villanueva por nocaute técnico a 56seg. do R2

Peso galo (até 61,2kg.): Julia Avila finalizou Julija Stoliarenko com um mata-leão a 4m19s do R3

Peso pena (até 65,7kg.): Charles Rosa derrotou Justin Jaynes na decisão dividida dos juízes (30-27, 28-29, 29-28)

Peso leve (até 70,3kg.): Damir Hadzovic derrotou Yancy Medeiros na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments