Em luta morna, Ciryl Gane vence Alexander Volkov por pontos e mantém invencibilidade no UFC Las Vegas 30 | SUPER LUTAS

Em luta morna, Ciryl Gane vence Alexander Volkov por pontos e mantém invencibilidade no UFC Las Vegas 30

Francês não empolga, mas faz o suficiente para superar russo na luta principal deste fim de semana

C. Gane (dir.) derrotou A. Volkov (esq.) por pontos no UFC Las Vegas 30. Foto: Reprodução/Instagram

Não deu show, mas levou. Promessa francesa dos pesados (até 120,2kg.), Ciryl Gane não empolgou e fez apenas o suficiente para superar Alexander Volkov na luta principal do UFC Las Vegas 30, realizado neste sábado (26). Mais preciso nas investidas, o atleta foi declarado vencedor na decisão unânime dos juízes após 25 minutos de confronto.

Veja Também

Com o resultado, Gane, mais uma vez, defendeu com sucesso sua invencibilidade na carreira. Atual número três no ranking liderado por Francis Ngannou, o francês, agora, soma nove vitórias consecutivas, sendo seis com as luvas do Ultimate.

Número cinco no grupo, Volkov começou melhor, mas acabou sendo vítima da precisão e estilo de luta de Ciryl. Com o revés, o russo perdeu a chance de avançar na categoria e teve interrompida uma sequência de dois triunfos.

A luta

Logo nos segundos iniciais, Volkov agrediu Gane com uma sequência de chutes baixos. O francês respondeu com um cruzado, defendido pelo russo. Alexander seguia dominando as ações, enquanto Ciryl buscava a melhor distância. Gane arriscou um cruzado de direita, mas Volkov desequilibrou o adversário com um chute baixo. O russo seguia apostando nas investidas nas pernas e o francês tentava confundir a defesa do oponente com variações de chutes, jabs e cruzados. Passados três minutos, Ciryl arriscou uma queda, mas a ação foi bem defendida pelo adversário. Nos segundos finais, Gane arriscou uma sequência de socos, que pararam na guarda do russo, até que o gongo soou.

A segunda etapa começou Gane tomando a inciativa com um chute baixos. Volkov respondeu na mesma moeda e completou com um direto. O russo fazia valer a maior envergadura e tentava atrair o francês para seu raio de ação. Ciryl adotava cautela, mas pontuava com socos e ataques nas pernas do adversários. Os lutadores seguiam pontuando e evitavam se expor. O duelo se encaminhava de maneira morna, com equilíbrio entre os atletas. No segundo final, Ciryl arriscou uma combinação de socos, que obrigaram Alexander a caminhar para trás. O russo, porém, seguia perigoso nos contragolpes, marcados por diretos na longa distância. A round terminou sem muitas ações.

No terceiro assalto, o confronto seguiu sem muita pressão de ambas as partes. Gane tocava mais o adversário, mas sem contundência. Na metade do assalto, Ciryl conectou uma sequência de jab e cruzado no rosto de Alexander. O francês tentou se aproveitar do bom momento e seguia caminhando para cima do adversário. Acuado, Volkov andava para trás e não assustava o oponente. Nos segundos finais, os atletas agitaram o confronto e trocaram ataques no centro do octógono, mas não havia mais tempo.

O quarto round começou com o russo tomando a iniciativa com uma combinação de cruzados. Gane respondeu com um jab de direita, seguido de um chute frontal. Ciryl continuou mais agressivo e tentava cercar o adversário contra as grades. Gane buscou o clinch, mas acabou surpreendido por um cruzado do adversário. Alexander voltou a agredir o oponente com um direto, mas não deu seguimento às ações. Perto do minuto final, o duelo seguia sem maiores emoções, com os dois ‘gigantes’ mostrando respeito. A etapa acabou com os lutadores trocando golpes sem potência próximos à grade.

Na última etapa, Ciryl e Volkov arriscaram ataques na curta distância. Mais preciso, o francês tocava o russo com mais frequência e evitava se expor aos contra-ataques do adversário. Passados dois minutos, o francês atingiu Alexander com uma combinação de cruzados. Volkov tentou responder, mas Gane se mostrou ativo nas esquivas. Restando dois minutos para o encerramento do confronto, o francês encaixou um cruzado limpo no rosto de Alexander, mas o russo sequer balançou. No minuto final, o duelo foi interrompido após Alexander acusar um dedo no olho aplicado pelo francês. O duelo voltou com os atletas ensaiando uma trocação franca, mas não havia mais tempo.

Resultados do UFC Las Vegas 30

CARD PRINCIPAL 

Peso pesado (até 120,2kg.): Ciryl Gane derrotou Alexander Volkov na decisão unânime dos juízes (50-45, 49-46, 50-45)

Peso pesado (até 120,2kg.): Tanner Boser derrotou Ovince St. Preux por nocaute a 2m31s do R2

Peso galo (até 61,2kg.): Timur Valiev derrotou Raoni Barcelos na decisão majoritária dos juízes (28-28, 29-28, 29-28)

Peso pena (até 65,7kg.): Andre Fili x Daniel Pineda terminou Sem Resultado (No Contest) a 46s do R2

Peso meio-médio (até 77kg.): Tim Means derrotou Nicolas Dalby na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso leve (até 70,3kg.): Renato Moicano finalizou Jai Herbert com um mata-leão a 4m34s do R2

CARD PRELIMINAR

Peso meio-pesado (até 93kg.): Kennedy Nzechukwu derrotou Danilo Marques por nocaute técnico a 20seg. do R3

Peso meio-médio (até 77kg.): Shavkat Rakhmonov finalizou Michel Trator com um mata-leão a 2m10s do R2

Peso meio-médio (até 77kg.): Jeremiah Wells derrotou Warlley Alves por nocaute a 30seg. do R2

Peso meio-pesado (até 93kg.): Marcin Prachnio derrotou Ike Villanueva por nocaute técnico a 56seg. do R2

Peso galo (até 61,2kg.): Julia Avila finalizou Julija Stoliarenko com um mata-leão a 4m19s do R3

Peso pena (até 65,7kg.): Charles Rosa derrotou Justin Jaynes na decisão dividida dos juízes (30-27, 28-29, 29-28)

Peso leve (até 70,3kg.): Damir Hadzovic derrotou Yancy Medeiros na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments