Covington rebate provocação e apimenta rivalidade com empresário de Usman | SUPER LUTAS

Covington rebate provocação e apimenta rivalidade com empresário de Usman

Norte-americano não gosta de insinuação de Ali Abdelaziz, que sugeriu ‘furada de fila’ de Nate Diaz na disputa do cinturão dos meio-médios

C. Covington em coletiva pelo UFC. Foto: Reprodução/YouTube UFC

Embora uma das maiores rivalidades nos meio-médios (até 77kg.) do Ultimate seja ‘Colby Covington x Kamaru Usman’, uma desavença fora do octógono tem rendido manchetes no mundo do MMA. Depois de saber da insinuação de Ali Abdelaziz, empresário do campeão, em que sugere uma disputa de título a Nate Diaz, o ‘Caos’ tomou a palavra e disparou contra o agente, com que troca farpas há um tempo.

“Notícia falsa. (…) Ele (Ali) fica criando narrativas mentirosas e pensa que as pessoas vão acreditar. Usman não pode escapar dessa surra e, no fundo, ele sabe disso. Ali, você não é responsável por marcar as lutas do UFC. Você não é o Dana White, Hunter Campbell, Ari Emmanuel. Você não é nada para a companhia, cara. É apenas um camponês. Então, pare de conversar com reis e deixe os ‘gigantes’ tratarem dos negócios entre si”, disse Covington, em conversa com James Lynch.

Embora a troca de farpas entre Colby e Abdelaziz renda notícias em meio à imprensa, a vontade do norte-americano pode ser confirmada em breve. Presidente do Ultimate, Dana White não esconde o desejo de reeditar a revanche entre os meio-médios, que promoveram uma das melhores lutas de 2019.

Hoje, Covington lidera o ranking da categoria, atrás apenas do campeão. Para conquistar a condição de desafiante favorito da empresa, o atleta precisou superar o ex-líder do grupo, Tyron Woodley.

Enquanto Colby realizou um confronto depois da derrota para Usman, o campeão seguiu ativo na companhia. Desde o UFC 245, Kamaru subiu ao octógono em três oportunidades, superando Jorge Masvidal (2020 e 2021) e Gilbert Durinho.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments