Contratada em 2019, Melissa Gatto celebra chance e se diz preparada para estrear no UFC 265 | SUPER LUTAS

Contratada em 2019, Melissa Gatto celebra chance e se diz preparada para estrear no UFC 265

Em exclusiva ao SUPER LUTAS, brasileira revela que evoluiu em seu jogo no período em inatividade; ela encara Victoria Leonardo neste sábado

M. Gatto estreia no UFC 265. Foto: Reprodução/Instagram

Após ficar cerca de três anos sem lutar, Melissa Gatto, enfim, se prepara para seu debute no Ultimate. Contratada pela organização em 2019, a paulista teve três lutas canceladas no período e agora encara Victoria Leonardo, no card preliminar do UFC 265 deste sábado (7).

Veja Também

Em entrevista exclusiva ao SUPER LUTAS, Gatto enxerga o ‘lado bom’ do período em inatividade e destaca sua evolução em todas as áreas do jogo. Com boa base no jiu-jitsu, onde venceu quatro de seus seis triunfos, ela também acredita que pode surpreender na luta em pé.

“Estou preparada para qualquer área que ela tente jogar contra a gente. Mas eu evoluí muito minha parte em pé trabalhando com o Rafa (Rafael Vinícius), até porque a especialidade dele é em pé, mas não deixei de evoluir também no chão, que é meu ‘carro-chefe’. Então, independentemente da maneira que for, estarei muito feliz de poder ganhar”, disse Gatto.

Profissional desde 2016, Melissa sempre teve o objetivo de entrar no UFC. A atleta revela que está em sua melhor versão e se diz ainda mais pronta para a estreia na organização.

“É a maior realização. Desde que assinei, sempre esperava estar dentro do UFC e fiquei muito na expectativa de estrear logo, fazer minha luta e mostrar meu trabalho. Então, agora chegou o momento e estou mais preparada do que nunca (…). Eu evoluí muito no tempo que fiquei parada. Consegui melhorar meu jogo e várias partes que eu tinha muitas brechas. Não só como atleta, mas tecnicamente, mentalmente e fisicamente. Esses dois anos só serviram para agregar e, hoje, estou muito mais preparada do que antes para poder, enfim, fazer a estreia que sempre esperei”, acrescentou a lutadora.

‘Crescendo aos poucos’

Promessa dos moscas (até 56,7kg.), Melissa Gatto é uma das grandes expectativas brasileiras na divisão. Ela, no entanto, prefere ir traçando seu caminho aos poucos e quer passar por todos os processos de maturação, antes de chegar em uma possível chance pelo título.

“Primeiro, eu quero focar bem nesta luta. Chegar, mostrar meu trabalho e voltar a ter ritmo de luta pelo período em que fiquei de fora. Quero tentar fazer mais lutas neste ano e ir crescendo na organização aos poucos. Talvez com um top-15, top-10, top-5 e, enfim, chegar a uma disputa de cinturão. Mas quero ir passo a passo e não cortar nenhum caminho”, finalizou.

Histórico dos Atletas

Aos 25 anos, Melissa Gatto está invicta em oito lutas no MMA. A lutadora conta com um cartel de seis triunfos e dois reveses na carreira. Na última apresentação que fez, em setembro de 2018, ela finalizou a compatriota Karol Rosa com uma kimura no primeiro round.

Victoria Leonardo, por sua vez, estreou no Ultimate em janeiro deste ano. Descoberta no ‘Contender Series’, a norte-americana foi nocauteada por Manon Fiorot. Em seu retrospecto, são oito resultados positivos e três negativos.

 

Podcast #30: Aquecimento para o UFC 266 com duas disputas de cinturão e migué de Romero no Bellator

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments