Lutadora mexicana morre aos 18 anos após derrota por nocaute no Boxe

Janette Zacarías Zapata faleceu dias após ser nocauteada por Marie-Pier Houle em evento realizado na noite de sábado (28)

Jeanette Zacarías Zapata faleceu aos 18 anos após ser nocauteada em luta de boxe no Canadá (Foto: Reprodução/Youtube)

A pugilista mexicana Jeanette Zacarías Zapata, de 18 anos, faleceu na última quinta-feira (02), quatro dias após perder por nocaute técnico para Marie-Pier Houle em luta de boxe realizada em Montreal, no Canadá.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Janette Zacarías Zapata e Marie-Pier Houle se enfrentaram no último sábado (28), em luta profissional realizada no IGA Stadium, em Montreal. Após receber diversos duros golpes no final do quarto assalto, a mexicana não conseguiu retornar para o corner e viu o árbitro interromper a luta e declarar Marie-Pier Houle vencedora por nocaute técnico. Logo após a interrupção, Zapata teve uma série de convulsões antes de ser transportada para o hospital.

Na última quinta-feira (02), Yvon Michel, responsável pelo evento de sábado, anunciou o falecimento da lutadora através das redes sociais.

PUBLICIDADE:

“Nós gostaríamos de oferecer as mais sinceras condolências à família, aos amados, amigos e especialmente ao marido, Jovanni Martinez, que fez permaneceu ao lado dela até seus últimos momentos”, escreveu Michel.

Adversária de Janette, Marie-Pier Houle também se pronunciou, se dizendo “devastada” e oferecendo “as mais sinceras condolências” ao marido e à família da jovem.

PUBLICIDADE:

De acordo com a emissora canadense “CBC”, Janette Zacarías Zapata realizou um exame neurológico no México antes de viajar ao Canadá para o combate. As causas e circunstâncias da morte estão sob investigação.

PUBLICIDADE:

Nascida em Aguascalientes, no México, Zapata estreou no boxe profissional em janeiro de 2018. Antes de enfrentar Houle, a mexicana havia lutado cinco vezes em seu país natal, com um cartel de duas vitórias e três derrotas.

Podcast #45: Volkanovksi sem desafiante e brasileiros no 1º UFC do ano



Comentários

Deixe um comentário