Patolino: “Estava com uma vontade incrível de dar uma surra em Viscardi”

Finalista do TUF Brasil 2 acha que a torcida cearense estará ao seu lado no sábado

Patolino (foto) e L. Santos fazem a final do TUF Brasil 2. Foto: Divulgação /  UFC

Patolino (foto) e L. Santos fazem a final do TUF Brasil 2. Foto: Divulgação / UFC

No último domingo foi ao ar o episódio final da segunda temporada do TUF Brasil. No programa, o argentino Santiago Ponzinibbio conquistou uma vaga na final ao derrotar Leo Santos, mas teve que ceder a posição ao oponente por uma fratura no braço. A outra vaga foi conquistada por William Patolino, que nocauteou Viscardi Andrade. E o carioca contou com um gosto pessoal para a luta da semifinal.

Em entrevista ao Globoesporte.com, Patolino disse que estava com o adversário engasgado desde o episódio em que Viscardi teria provocado Rodrigo Minotauro depois de vencer Thiago Jambo pela segunda vez.

“Desde a primeira luta, eu queria lutar contra ele, porque estava com uma vontade incrível de dar uma surra nele”, disse Patolino. “Foi uma satisfação incrível, porque ele foi muito desrespeitoso com o Minotauro, apontando o dedo para ele. Foi muito desrespeitoso com nosso treinador.”

Patolino acha que, por ter vencido sua luta na semifinal, terá o apoio da torcida cearense no TUF Brasil 2 Finale, que acontece neste sábado. “Passei bem nas semifinais, então acho que o público vai estar do meu lado. Ele não, ele perdeu para o Santiago. Acho que a maior torcida vai ser minha”, concluiu o confiante atleta do Time Nogueira.

William “Patolino” Macario foi o concorrente mais jovem do TUF Brasil 2, com 21 anos. Na final contra Leo Santos, ele defenderá invencibilidade de seis lutas na carreira, cinco delas conquistadas por nocaute e outra por finalização. Nestes combates, apenas um oponente chegou ao segundo round.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
liliane
liliane
7 anos atrás

valeu patolino,você fez o que muitos estava com sede de fazer,showww