Khamzat Chimaev revela confusão com Kevin Holland nos bastidores do UFC; entenda

Sueco afirmou que chegou às 'vias de fato' com o norte-americano, que teria ironizado seu problema em decorrência da COVID-19

K. Chimaev e K. Holland brigaram nos bastidores do UFC. Foto: Montagem SUPER LUTAS

No UFC 267 do próximo sábado (30), Khamzat Chimaev, enfim, retoma sua trajetória no Ultimate, depois de sofrer com as consequências da COVID-19. Apesar de estar prestes a enfrentar Li Jingliang, o russo falou sobre seu envolvimento em uma briga com Kevin Holland, nos bastidores de um dos eventos da companhia.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Em entrevista recente à ‘ZubaTV’, Chimaev confirmou que teve um entreveiro com Holland, que supostamente teria ironizado seus problemas em decorrência do novo coronavírus e, segundo ele, chegou a estrar nas ‘vias de fato’ com o norte-americano.

“Holland comentou em uma publicação do Instagram sobre mim, questionando sobre minha máscara e dizendo que eu poderia infectar alguém. Eu me aproximei dele no hotel e perguntei o que ele queria dizer com aquilo e ele afirmou que não se lembrava. No mesmo instante, eu o agarrei pelo pescoço e empurrei. Enquanto as pessoas estavam me segurando, ele começou a querer falar. Coisa típica norte-americana. Apenar falar e não fazer nada”, contou Chimaev.

PUBLICIDADE:

Aos 26 anos, Khamzat Chimaev, hoje, possui um cartel perfeito. Com nove lutas no MMA profissional, o novo xodó do UFC nunca soube o que é perder. Ele, no entanto, estava despontando em sua carreira quando contraiu COVID-19 e chegou a anunciar sua aposentadoria do esporte por acreditar que nunca mais poderia voltar a se apresentar de forma competitiva.

Kevin Holland, por sua vez, chegou a ter um momento de ascensão no Ultimate ao emplacar quatro triunfos seguidos. Inclusive, o norte-americano chegou a pedir por um combate contra Chimaev, mas o duelo nunca se concretizou. No UFC Vegas 38, ele tentava dar uma resposta pelo mau momento na organização (dois reveses em série), mas sofreu uma cabeçada não intencional contra Kyle Daukaus. Uma revanche está marcada para acontecer no dia 13 de novembro.

PUBLICIDADE:

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?