Pupilo de Lyoto Machida, Bruno Souza fala em ‘realização de sonho’ para estreia no UFC 268

Em entrevista exclusiva ao SUPER LUTAS, o atleta brasileiro revela preparação para luta neste sábado (6), após entrar no card com cerca de uma semana de antecedência

B. Souza precisou raspar a cabeça, mas falhou no corte de peso para UFC 268. Foto: Reprodução/Instagram

O UFC 268, evento que será realizado no próximo sábado (6) no Madison Square Garden, em Nova York (EUA), carrega expectativa extre pela estreia do pupilo de Lyoto Machida, Bruno Souza, que enfrenta Melsik Baghdasaryan na segunda luta do card preliminar no evento.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Em entrevista exclusiva ao SUPER LUTAS, Bruno revela que está realizando um sonho em estrear em card numerado em uma arena que já contou com grandes nomes da história do esporte.

“A gente fala que não pode ficar maior do que isso, né? Não tem como ter uma estreia maior do que no Madison Square Garden, em um dos maiores eventos do ano. Então, com certeza uma galera vai estar assistindo a luta. Tenho muita vantagem aí. É muito diferente se eu estivesse estreando em um Apex. Seria bom também, mas é diferente. É um templo e não fica maior do que isso”, afirmou Souza.

PUBLICIDADE:

Pupilo de Lyoto Machida, Bruno Souza sempre fala com carinho sobre seu mentor. Questionado sobre o assunto, o brasileiro afirmou que chegou a conversar com o ‘Dragão’ quando assinou seu contrato e revela felicidade da lenda do MMA.

“A gente conversou e ele ficou muito feliz. Ele me viu com quatro anos de idade, crescendo. Então deve ser muito bacana ver a pessoa evoluir e ir atrás. Em 2009 ele foi campeão e, antes disso, eu já queria lutar. Mas foi uma motivação para eu lutar. Foi um exemplo muito grande para mim. O LFA prepara muito bem os atletas para o UFC e ele me falou que estou pronto”, contou o brasileiro.

PUBLICIDADE:

Convidado pelo UFC vestido de ‘Tigrão’

Grande sonho de qualquer atleta que compete nas artes marciais mistas, um convite para lutar no Ultimate pode acontecer em qualquer momento. E, no caso de Bruno Souza, a chamada ocorreu em um instante inusitado. De forma descontraída, o brasileiro conta que dava aula na ‘Machida Team’ de um personagem do desenho da Disney ‘Ursinho Pooh’, quando soube que iria competir na organização.

PUBLICIDADE:

“Final de semana passada foi Halloween nos Estados Unidos, então eu estava dando aula vestido de ‘Tigrão’ (personagem do Ursinho Pooh) e um dos meus empresários me ligou. Quando eu atendi, ele me viu fantasiado – rimos para caramba – e me perguntou se eu bateria o peso para UFC 268. Eu tinha acabado de comer uma pizza, mas aceitei antes mesmo de saber quem era meu adversário. É uma coisa que eu sempre quis e tinha preparado psicologicamente para isso”, revelou o atleta.

Estudo de adversário e foco em futuro na organização

Às vésperas de combate, Bruno Souza já conseguiu adaptar seu estilo de jogo para encarar Melsik Baghsaryan. Segundo ele, não foi necessário um estudo maior de seu adversário para o duelo neste sábado (6). E, além da estreia, o brasileiro vislumbra chegar ‘no topo’ do mundo durante passagem no UFC.

“O Melsik Baghdasaryan é muito bom, chuta e soca muito duro, mas é um kickboxer padrão. Então, não tem nada de muito novo que iria causar um estudo maior. A gente tem uma estratégia e vamos ver se vai funcionar sábado. Eu sou um cara muito competitivo. Competi karatê minha vida inteira e, na minha cabeça, quero ser o melhor de todos os tempos. Eu vou morrer tentando. Meu objetivo nunca foi ser mais um – ainda que isso possa acontecer, mas se eu for entrar em algo, quero ser o melhor. Por isso eu não fui jogar futebol (risos). Eu quero ser campeão, defender título. Eu sei que está só começando, mas se não fosse por isso, eu não teria começado”, finalizou.

Histórico do Atleta

Promessa brasileira nos penas (até 65,7kg.), Bruno Souza, de 25 anos, chega em grande momento em sua carreira. Depois de perder na estreia em 2016, o brasileiro emplacou uma série de dez vitórias – sendo a última pelo título da divisão na PFL.

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?