Jake Paul desmente boato sobre ‘cláusula inusitada’ para revanche contra Tyron Woodley

Youtuber foi questionado sobre suposta cláusula que proibiria nocautes, mas tratou de negar o assunto

J. Paul está invicto nos desafios de boxe. Foto: Reprodução/Instagram

Em preparação para sua quinta luta como profissional no boxe, Jake Paul foi surpreendido com a notícia da lesão de Tommy Fury. Disposto a seguir no card do dia 18 de dezembro, no entanto, o youtuber aceitou a revanche diante de Tyron Woodley.

PUBLICIDADE:

Veja Também

A notícia de uma segunda luta dos atletas trouxe um rumor de que, na cláusula do contrato, estava prevista de que não poderia haver nocaute no combate. Porém, na mídia de imprensa realizada na última segunda-feira (6), Jake ironizou o fato e tratou de negar o boato.

“Vocês me conhecem. Gosto de tornar as coisas mais interessantes em todas as áreas. Corre o boato por aí sobre uma cláusula de proibição de nocaute em meus contratos, que alguém começou e todo mundo seguiu. As pessoas são como ovelhas. Eles simplesmente acreditam em qualquer coisa que leem ou veem. Esse é um boato completamente falso”, afirmou Paul.

PUBLICIDADE:

Ainda invicto, Jake Paul nocauteou AnEsonGib, Nate Robinson e Ben Askren em sequência, mas superou Tyron Woodley na decisão dividida dos juízes. Ele continuou dizendo que quer ‘incentivar’ os lutadores a tentarem nocauteá-lo, mas reforça que os mesmos terão dificuldades para realizar o feito.

“Só queríamos acabar com esse boato (de que não poderia haver nocaute) imediatamente. De agora em diante, estaremos dando bônus aos meus oponentes se eles puderem me nocautear, porque queremos incentivá-los e provar à mídia e ao mundo que todos esses rumores não são verdadeiros”, concluiu.

PUBLICIDADE:

Aos 24 anos, Jake Paul já conseguiu grandes feitos em seu início na modalidade. Ele, inclusive, já desafiou nomes como Conor McGregor, Canelo Álvarez, Kamaru Usman e os irmãos Nate e Nick Diaz.

PUBLICIDADE:

Podcast #46: Aquecimento para o UFC 270 com duas disputas de cinturão + Amanda Nunes fora da ATT e Jake Paul rico