Michel Trator recebe quatro anos de suspensão após ser flagrado pela segunda vez em antidoping

O veterano, que deixou o Ultimate há duas semanas, já havia cumprido dois anos de suspensão pelo uso de substâncias proibidas

M. Trator recebeu quatro anos de suspensão por doping. Foto: Reprodução/Instagram @micheltrator

Nesta quinta-feira, o veterano brasileiro Michel “Trator” Prazeres, de 40 anos, recebeu quatro anos de suspensão da Agência Antidoping dos Estados Unidos (USADA). O atleta, que competiu por mais de oitos anos no UFC, testou positivo para clomifeno e seus metabólicos, metabólicos de oxandrolona e administração exógena de testosterona e/ou seus precursores.

PUBLICIDADE:

Veja Também

De acordo com comunicado oficial da USADA, o lutador foi flagrado através de múltiplos exames realizados fora do período de competição, em 27 de agosto, 16 de setembro, 15 de outubro e 2 de novembro de 2021. Todas substâncias citadas pela agência são proibidas tanto dentro quanto fora do período de competição pela Política Antidoping do UFC e na Lista de Substâncias Proibidas do UFC.

O pesado gancho de quatro anos se deve à reincidência do lutador. Michel Trator já havia sido suspenso por dois anos em março de 2019 após testar positivo para boldenona, outra substância proibida.

PUBLICIDADE:

Antes mesmo do anúncio da USADA, Michel Trator já havia pedido demissão do UFC. O brasileiro estava na organização desde 2013 e somou 10 vitórias e apenas quatro derrotas no octógono, vencendo inclusive nomes como Desmond Green, Mads Burnell e Gilbert Durinho. A última luta de Michel aconteceu em junho deste ano e marcou justamente o retorno do lutador após a primeira suspensão. Na ocasião, ele foi finalizado por Shavkat Rahkmonov.

A suspensão de Michel Trator é retroativa e tem como início o dia 27 de agosto de 2021, quando foi realizado o primeiro exame com resultado positivo. Com isso, o brasileiro só poderia voltar a lutar em 27 de agosto de 2025, aos 44 anos. De acordo com o site norte-americano “MMA Fighting”, o atleta resolveu se aposentar do esporte.

PUBLICIDADE:

Podcast #46: Aquecimento para o UFC 270 com duas disputas de cinturão + Amanda Nunes fora da ATT e Jake Paul rico