Jéssica Bate-Estaca se oferece para enfrentar Miesha Tate em estreia de ex-campeã nos moscas

Depois do anúncio da veterana sobre mudar de divisão, brasileira sugere dar as ‘boas-vindas’ à ‘Cupcake’

J. Andrade vem de vitória sobre C. Calvillo. Foto: Reprodução/Instagram

Com a amiga Julianna Peña como campeã dos galos do UFC, Miesha Tate revelou que pode ser vista atuando entre os moscas (até 56,7kg.) em breve. De olho em adversárias de alto nível, Jéssica Andrade, a ‘Bate-Estaca’, não perdeu tempo e já realizou um desafio à ex-campeã do grupo até 61,2kg.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Li recentemente que Miesha está pensando em descer para os moscas e eu adoraria ser sua primeira oponente na nova categoria. Talvez ela nunca tenha pensado nisso, mas eu entrei no UFC por causa dela, quando ela gravou o TUF (The Ultimate Fighter) com Ronda (Rousey), e aceitou uma luta contra Liz Carmouche, quando foi contratada sendo sua substituta”, revelou Jéssica, em entrevista ao ‘MMA Fighting’.

Ex-campeã dos palhas (até 52,1kg.), Bate-Estaca seguiu apontando motivos pelos quais um confronto vale a pena. Hoje, atuando em duas divisões (palhas e moscas), a brasileira parece não ter dúvidas quanto à sua próxima rival.

PUBLICIDADE:

“Nós (Tate e Jéssica) fomos em direções diferentes na organização, mas eu a acompanhei esse tempo todo no UFC, ainda quando ela competia nos galos. Ela venceu o cinturão dos galos depois que eu desci para os palhas. Acredito que uma luta entre a ex-campeã dos palhas e antiga líder dos galos seria interessante para os fãs”, encerrou.

Primeira colocada no ranking dos moscas, Andrade disputou o cinturão da categoria em abril de 2021. A brasileira acabou derrotada, mas se recuperou na sequência, em setembro, quando nocauteou Cynthia Calvillo.

PUBLICIDADE:

Campeã dos galos em 2016, Tate retornou da aposentadoria em 2021. Na temporada, a veterana realizou dois embates, vencendo em sua reestreia, quando passou por Marion Reneau, e perdendo no segundo compromisso, sendo superada por Ketlen Vieira.

PUBLICIDADE:

Podcast #46: Aquecimento para o UFC 270 com duas disputas de cinturão + Amanda Nunes fora da ATT e Jake Paul rico